Quim Machado passa do Tondela para o V. Setúbal

Os sadinos apresentaram o novo técnico para a próxima temporada.

O Vitória quer que a próxima época seja mais tranquila do que a que acabou
Foto
O Vitória quer que a próxima época seja mais tranquila do que a que acabou DR

O treinador Quim Machado, depois de se sagrar campeão da II Liga de futebol pelo Tondela, foi nesta sexta-feira apresentado como sucessor de Bruno Ribeiro no comando do Vitória de Setúbal para 2015-16.

O treinador, de 48 anos, que assinou para 2015-16 e com mais uma época de opção, disse na lotada sala de imprensa do Estádio do Bonfim, perante cerca de meia centena de adeptos, que tem pela frente o projecto mais ambicioso da sua carreira.

"Sem dúvida é o maior desafio da minha carreira. Os clubes que treinei não tinham, nem de perto nem de longe, a dimensão do Vitória. Todos por onde passei me merecem respeito, mas não se pode comparar o Vitória ao Desportivo de Chaves, Tondela ou Feirense, por exemplo", referiu.

Ladeado pelo presidente do clube sadino Fernando Oliveira e pelo vice-presidente Diogo Boa-Alma, Quim Machado explicou por que preferiu os sadinos a outras propostas que tinha em mãos.

"Gosto de projectos difíceis. Surgiram algumas propostas para o estrangeiro, mas todas as pessoas com quem falei, depois do convite do Vitória, disseram-me que o clube não é grande, é enorme", referiu.

O técnico confessou-se "feliz" por treinar os setubalenses: "Trata-se de um clube centenário e com uma história enorme. Faz hoje 10 anos que o Vitória conquistou a sua última Taça de Portugal [2-1 na final com o Benfica]. O nome do clube diz tudo. Sinto-me orgulhoso por ter sido convidado para este projecto."

Questionado sobre a forma como espera evitar a aflição vivida este ano - o clube garantiu a permanência na I Liga na penúltima jornada -, Quim Machado apontou o caminho.

"Temos de pensar que é sempre possível fazer melhor. Com trabalho e humildade vamos formar um grupo forte e unido. A partir daí, as condições estão reunidas para conseguirmos bons resultados e olharmos para os lugares do meio da tabela para cima", afirmou.

Fernando Oliveira garantiu que o nome do novo timoneiro esteve sempre no topo das preferências para suceder a Bruno Ribeiro.

"Quim Machado foi a nossa primeira e única opção. É ambicioso, campeão e simples, características que se assemelham às do nosso clube", considerou o dirigente.

A equipa técnica tem já confirmados os nomes de Tiago Oliveira (preparador físico), Carlos Ribeiro (treinador de guarda-redes) e Paulo André Oliveira (adjunto), estes dois últimos já se encontravam a trabalhar no clube.