Freitas e Alegre lado a lado em sessão de solidariedade com o povo grego

Várias personalidades participam sexta-feira numa sessão pública onde será apresentado um manifesto contra a austeridade.

Freitas do Amaral abriu o IV Congresso de Direito do Desporto
Foto
Freitas do Amaral é um dos subscritores do documento de solidariedade com o povo grego Daniel Rocha/PÚBLICO (arquivo)

Cinco associações cívicas promovem esta sexta-feira à noite, no Forum Lisboa, uma sessão pública de solidariedade com o povo grego no combate à austeridade que conta com a participação de personalidades como Manuel Alegre, Carvalho da Silva, Freitas do Amaral, Francisco Louçã.

Nesta sessão, organizada pela Associação José Afonso, Congresso Democrático das Alternativas, Iniciativa para uma Auditoria Cidadã à Dívida, ATTAC [Acção por uma Taxa Tobim de Ajuda aos Cidadãos] e CIDAC [Centro de Intervenção para o Desenvolvimento Amílcar Cabral], será apresentado o documento “Solidários com a Grécia, por uma alternativa à austeridade em Portugal e na Europa!”

Este documento, que se encontra em recolha de subscrições, pretende mostrar a solidariedade com o povo grego no que se refere à renegociação da dívida e aos compromissos assumidos pela Grécia com as instituições internacionais. Segundo a organização, o apoio português é manifestado devido à atitude grega de procurar outras soluções que não as da austeridade.

As consequências deste processo de conversações com as instituições europeias e o FMI podem ser abrangentes “para Portugal e toda a Europa”, lê-se no texto. Consequências que serão consideradas positivas caso se alcance “um acordo que respeite a soberania, a dignidade e liberdade” do povo grego e exista uma defesa à “recuperação económica e social”, refere a organização. Em contraponto, podem existir consequências “desastrosas” se houver um prolongamento da “humilhação da Grécia e de outros povos da Europa” por parte dos credores.

Além de Alegre, Louçã, Carvalho da Silva e Diogo Freitas do Amaral, estarão presentes também Ana Drago e Eugénio Rosa, todos subscritores do documento, que conta já com mais de duas centenas de assinaturas. A presença estende-se a figuras da cultura como Carlos Mendes, Hélder Costa, Manuel Freire, Pilar del Rio, Raquel Freire e Samuel Quedas.

No evento, que pretende também divulgar o blogue “Observatório da Grécia”, Helena Roseta e João Maria Freitas Branco “darão o seu testemunho em solidariedade com o povo grego”, de acordo com a organização. Fará também parte da apresentação um momento musical encabeçado pelo artista grego Michales Loukovikas e com outros artistas portugueses.