Novas leis apertam o cerco ao tabaco no mundo

Foto
AFP PHOTO/PEDRO ARMESTRE

A legislação anti-tabagista tem vindo a ser reforçada um pouco por todo o mundo. Depois de proibir o tabaco em espaços fechados, agora em foco estão as embalagens neutras e as restrições de fumar ao ar livre. Já há países que têm como meta erradicar o tabagismo. Alguns exemplos de medidas recentes:

Finlândia
A Finlândia quer tornar-se num país livre do tabaco até 2040. As medidas para lá chegar estão num roteiro apresentado no ano passado. Incluem embalagens neutras, com imagens chocantes e sem logótipos, a subida progressiva dos impostos sobre o tabaco, mais restrições ao fumo em locais públicos, incluindo parques e praias, campanhas de informação e ajuda a quem quiser deixar de fumar. Hoje, 16% dos finlandeses fumam. O objectivo é não ultrapassar os dois por cento em 2040.

Reino Unido
A partir de Outubro será proibido fumar dentro dos automóveis com menores de 18 anos na Inglaterra. Em 2016, as embalagens de tabaco passarão também a ser neutras. Ambas medidas foram aprovadas este ano. Na Irlanda, também foi decidido o mesmo. Em Bristol, está em curso a proibição de fumar em duas praças públicas.

França
Em Setembro passado, o Governo lançou um plano para a redução do tabagismo, com o objectivo de chegar à primeira geração de não-fumadores dentreo de 20 anos. O pacote, ainda por legislar, inclui embalagens neutras de tabaco, a interdição de fumar em automóveis com menores de 12 anos e em parques infantis, e restrições ao cigarro electrónico em locais públicos.

Austrália
Foi o primeiro país do mundo a introduzir as embalagens neutras, cobertas com imagens chocantes, alertas sobre os efeitos do tabaco na saúde e sem os logótipos das marcas, apenas o seu nome sob um fundo verde escuro. A medida entrou em vigor em Dezembro de 2012. No ano seguinte, as vendas de tabaco caíram 3,4%.

Estados Unidos
A batalha anti-tabágica está agora claramente fora de portas. Já há 1073 cidades ou condados que proíbem o tabaco em parques, 337 em zonas de piqueniques, 232 em praias e 70 em jardins zoológicos. Os cigarros electrónicos também estão sob mira. O número de novas leis a proibi-los em espaços fechados mais do que duplicou entre 2013 e 2014, de 74 a 164.

China
Com 300 milhões de fumadores e um milhão de mortes por ano devido ao tabaco, a China está relativamente atrasada em termos de legislação. Em Junho, porém, entra em vigor uma lei que proíbe o tabaco em espaços fechados em Pequim, entre outras medidas. Até agora, tentativas de restringir o tabaco falharam, por falta de adesão e fiscalização.

Sugerir correcção