Chelsea vende Schürrle e compra Cuadrado

Atacante alemão reforça o Wolfsburgo, adversário do Sporting na Liga dos Campeões.

Mourinho prescindiu de Schürrle
Foto
Mourinho prescindiu de Schürrle Andrew Winning/Reuters

O Chelsea de José Mourinho assumiu a responsabilidade de animar o último dia do período de transferências de Inverno, com um negócio tripartido que levou o alemão André Schürrle para o Wolfsburgo e fez chegar a Stamford Bridge o colombiano Juan Cuadrado, ex-Fiorentina. No âmbito desta transferências, os blues cederam por empréstimo o egípcio Mohamed Salah.

Um ano e meio depois de ter chegado ao Chelsea, proveniente do Bayer Leverkusen, Schürrle deixa Stamford Bridge para regressar ao futebol alemão. O atacante de 24 anos, campeão do mundo no Brasil, desvinculou-se do Chelsea e já foi confirmada a sua transferência para o Wolfsburgo, segundo classificado da Bundesliga e adversário do Sporting nos 16 avos-de-final da Liga Europa.
 

Com o encaixe financeiro que resulta da venda de Schürrle, o Chelsea tem margem para contratar o colombiano Juan Cuadrado à Fiorentina. O negócio já foi confirmado pelo Chelsea e o contrato de Cuadrado terá quatro anos e meio de duração. Cuadrado actuava no futebol italiano desde 2009 e destacou-se no Mundial 2014 ao serviço da Colômbia.

Através das redes sociais, o internacional colombiano já publicou uma foto do estádio do Chelsea e despediu-se dos adeptos da Fiorentina: “Florença estará sempre no meu coração. Gente extraordinária. Adeptos cheios de paixão. Agora espera-me uma nova estrada. Novas emoções. Novos objectivos”, podia ler-se na mensagem de Cuadrado.

A mudança de Cuadrado para Stamford Bridge implicará ainda a cedência, por empréstimo, de Mohamed Salah. O egípcio chegou ao Chelsea há um ano, proveniente do Basileia, mas não tem conseguido entrar regularmente nas opções de José Mourinho. Ruma agora a Itália para representar a Fiorentina, por empréstimo.