Numa rima polémica Eminem ameaça bater na cantora Lana del Rey

O rapper americano lançou um vídeo promocional onde às tantas canta que vai dar dois murros a Lana del Ray, que até o elogiara numa entrevista, confessando-se sua fã e dizendo que ele era “um génio”.

Fotogaleria
Eminem discursa este mês no prémio Inovador do Ano da revista do Wall Street Journal no Museum of Modern Art, em Nova Iorque
Lana del Rey
Fotogaleria
Lana del Rey

No excerto em causa, que faz também referência ao jogador de futebol americano Ray Rice, suspenso do campeonato da NFL e despedido dos Baltimore Ravens por ter agredido a mulher, Janay, Eminem canta (em tradução bastante livre e dispensando as rimas do original): “Posso lutar pelos direitos dos gays, especialmente se as fufas forem mais de cair para o lado do que Janay Rice. Jogar limpo? Cabra, vou dar dois murros na cara a Lana del Ray, em plena luz do dia, à vista da câmara de segurança do elevador, como Ray Rice, até ela bater com a cabeça nas grades, e depois vou celebrar com os Ravens”. O caso de violência doméstica do casal Rice foi captado pelas câmaras de vigilância de um elevador, amplamente divulgado depois de ter sido ocultado e subestimado, e levou mesmo a uma tomada de posição pelo presidente Barack Obama.



Aparentemente, Eminem lida mal com os elogios, já que Lana del Rey – cujo último disco se chama Ultraviolence, e que ao longo dos últimos anos tanto foi capaz de gerar simpatias como fortes antipatias – confessara, numa entrevista, ser “uma grande fã” do rapper. “Ele mudou mesmo a minha vida: não sabia que a música podia ser inteligente”, disse a cantora. “Ele não se limita a rimar por rimar, e isso fez-me pensar que eu poderia realmente falar [nas minhas canções] de como as coisas são. Ele é um génio”, acrescentou ainda Lana del Rey, que por enquanto não respondeu a esta provocação do rapper.

Mas a cantora Azealia Banks, sua amiga, já o fez por ela. Escreveu uma mensagem, entretanto apagada, em que pergunta (retoricamente) a Eminem se não sabe que ela própria, Azaelia, lhe vai dar um murro. E num tweet reproduzido no jornal online Daily Dot, e cuja vivacidade estilística faz justiça ao colorido lirismo do rapper, escreve: “Lana, diz-lhe que regresse ao seu parque de auto-caravanas, que coma o seu jantar congelado aquecido no micro-ondas...”

Como lembra o Guardian, Eminem sempre usou as suas canções para tiradas misóginas contra celebridades e para se posicionar ele próprio no mesmo universo da cultura das celebridades.