Comissão Nacional do PS sem debate porque estava “tudo com vontade de ir para casa”

Reunião socialista começou atrasada por causa do futebol.

Foto
Maria de Belém faz várias recomendações ao Governo Luís Ramos

Menos de uma hora de reunião, já depois da comissão ter começado atrasada devido ao jogo da selecção portuguesa.

“Está tudo com vontade de ir para casa” disse a presidente do PS, Maria de Belém, à saída. Belém justificou a comissão sem debate com o “atraso” na chegada dos comissários que imputou ao jogo da selecção portuguesa.

Afinal, uma situação expectável devido à “grande carga masculina nestes órgãos”, acrescentou Maria de Belém.

O debate fica agendado para uma data posterior, ainda a marcar, de uma comissão política. Que poderá debater o Orçamento do Estado para 2015 com a presença dos deputados do PS. Entre os socialistas, a situação foi justificada com a escassa legitimidade desta comissão nacional que decorreu do Congresso que confirmou a eleição de Seguro.

O que resultou desta comissão nacional, portanto, foi a confirmação das directas para os dias 21 e 22 de Novembro e a eleição da Comissão Organizadora do Congresso, encabeçada por Joaquim Raposo, com 143 votos a favor e 38 votos brancos.