Estamo vende Convento de Santa Joana por 11,2 milhões

Neste imóvel, na Rua de Santa Marta, em Lisboa, está prevista a instalação de um hotel.

Foto

O antigo Convento de Santa Joana, em Lisboa, onde funcionou a PSP, foi vendido pela Estamo por 11,2 milhões de euros, montante quase 2,5 milhões de euros acima do valor de referência definido pela imobiliária de capitais públicos.

Segundo a Estamo, a venda deste imóvel na Rua de Santa Marta foi adjudicada à AM48 Unipessoal Lda conjuntamente com a Hoti Hotéis SGPS, SA e a Lúcio de Azevedo & Filhos, SA, através de um contrato-promessa celebrado no dia 24 de Setembro. Este contrato, acrescenta a imobiliária em esclarecimentos prestados ao PÚBLICO, “foi assinado com a sociedade Residence Convento de St.ª Joana, SA, sociedade anónima constituída pelos proponentes, que já pagaram o sinal de 15% previsto”.

Para o antigo convento existe um Pedido de Informação prévia aprovado pela Câmara de Lisboa, que prevê a instalação de um hotel. Habitação, comércio e serviços são os restantes usos previstos, além de um parque de estacionamento “em dois pisos enterrados”, com uma cobertura “ajardinada”.  

A Estamo afirma que a fachada principal do antigo convento, virada para a Rua de Santa Marta, “será recuperada e mantida, admitindo-se a reestruturação dos espaços interiores e o aproveitamento do vão do telhado, salvaguardando, no entanto, os elementos considerados de interesse patrimonial”. Em informação disponível na sua página na Internet, a imobiliária acrescenta que “a fachada interior será redesenhada e acrescida de dois volumes devidamente enquadrados”. 

Sugerir correcção