Mark Zuckerberg mandou Bill Gates levar com um balde com água gelada

Iniciativa tem como objectivo ajudar uma associação de doentes com esclerose lateral amiotrófica.

Bill Gates no momento em que puxa a corda
Foto
Bill Gates no momento em que puxa a corda Bill Gates/Youtube

Primeiro foi o fundador do Facebook a fazê-lo. Um balde com água gelada sobre o corpo, tudo por uma boa causa. Mark Zuckerberg lembrou-se depois de desafiar outros a imitá-lo. Bill Gates foi um dos desafiados e aceitou. Construiu mesmo uma estrutura para a simples tarefa de levar com um balde com água e filmou tudo.

O desafio do balde com água gelada começou em Julho e um mês depois é um fenómeno nos Estados Unidos, com vários posts e vídeos publicados nas redes sociais. Quem começou com a brincadeira é também motivo de algumas discordâncias. O Los Angeles Times diz que a ideia partiu de Peter Frates, um doente de esclerose lateral amiotrófica (conhecida como a doença de Gehrig), uma doença caracterizada pela degeneração dos nervos motores do corpo humano. Frates desafiou amigos e família a tomarem um banho gelado para chamar a atenção para a sua doença. O Wall Street Journal atribui, por sua vez, a autoria ao jogador de golfe Chris Kennedy, que lançou o desafio a uma prima, cujo marido sobre da mesma doença que Frates.

O desafio começou a tornar-se viral e os vídeos de baldes com água gelada enfiados pela cabeça encheram páginas no Facebook e o Twitter de mensagens. Mais de 15 milhões de pessoas falaram sobre o assunto no Facebook, publicaram mensagens, comentaram e fizeram “gosto” na página de alguém.

A iniciativa passou a ter como objectivo ajudar associação norte-americana de esclerose lateral amiotrófica ALS Association e para tal é pedido a alguém que faça um vídeo onde termina molhado no espaço de um dia e lance o mesmo desafio a três outras pessoas. Quem falhar tem que doar 20 dólares à associação.

Foi isso que Mark Zuckerberg fez, depois de ter sido desafiado pelo governador Chris Christie: pediu a três outras pessoas para participarem, entre elas Bill Gates, o fundador e antigo director executivo da Microsoft. Na sua página no Facebook, Zuckerberg publicou um vídeo onde lança o desafio depois de deitar sobre si um balde com água. “Têm 24 horas para o fazer ou têm que fazer uma doação à ALS”, sublinhou.

Num outro vídeo, aceita fazê-lo. “Estou contente por doar à ALS, é uma grande causa”, diz Gates. “Mas quero aceitar este desafio e quero fazê-lo melhor do que alguma fez foi feito”, continua. Seguem-se imagens de Gates a construir uma estrutura, que quando terminada funciona simplesmente com o puxar de uma corda. O desfecho é o esperado: Bill Gates encharcado.

Desde que o desafio do balde com água gelada começou por ter como objectivo ajudar a ALS, a associação afirma que conseguiu angariar 9,5 milhões de dólares destinados a investigar curas para a doença de Gehrig.