DR
Foto
DR

Moullinex bem acompanhado numa noite à sombra da Casa

No Sábado, dia 21, foi altura dos concertos da Casa conquistarem um espaço típicamente de Verão: o exterior. A esplanada recebeu o Luís Clara Gomes, também conhecido como Moullinex, e alguns amigos

É a época dos santos populares, por isso em vez da habitual sombria Rotunda da Boavista a Casa da Música via-se a medir forças com um delírio neon de máquinas de tortura gigantes e farturas. Não deixando as coisas por menos, o contra-ataque esteve à altura: Moullinex encheu a esplanada de ritmos contagiantes que esboçaram tantos sorrisos como jogo de ancas.

Embora o clima não fosse o mais favorável, a verdade é que a chuva que se tinha feito insinuar durante a tarde não marcou presença durante a noite. As mantas vermelhas gentilmente cedidas pela cervejeira de serviço acabaram por não ser exploradas nem como aconchego nem como impermeável. Apesar disso, Luís Clara Gomes tocou no abrigo do vão da escadaria da Casa da Música, e embora inicialmente ainda muitos resistissem a deslocar-se da colina dos skaters até ali, bastaram apenas uma ou duas composições para toda a gente procurar um espaço junto da mole que se agitava.

A primeira parte do concerto teve um carácter de showcase dos temas reúnidos no primeiro álbum, embora navegando pelos tons disco mais energéticos. Mas metade da sedução já estava cumprida, afinal. O público era claramente familiarizado com Moullinex desde os tempos em que apenas soletrava o seu stage name com apenas um L, sem medo a infracção de direitos de cópia. Claro que esta familiaridade não impediu explosões de alegria em hinos como "Sunflare" ou "Take My Pain Away".

Moullinex em formato banda acaba por revelar toda o potencial paradoxal de intimidade partilhada - numa osmose que se estende do palco àquela faixa devota compressa entre as "grades" e a mesa de mistura. Para este concerto contou com Bruno Cardoso (Xinobi) e Miguel Vilhena (Savanna). Mas a maior reacção do público foi com a presença dos Best Youth em palco para apresentar o single de colaboração, "In The Shade".

Sugerir correcção