Turismo está a impulsionar reabilitação no centro histórico do Porto

Aumentam os licenciamentos para reabilitação de fogos destinados a hostels.

Foto
Hostels dinamizam centro histórico do Porto.

No período em análise, os licenciados para reabilitação destinados a hostels (estabelecimentos de hospedagem que não estão sujeitos a limites de capacidade), envolveram sete empreendimentos, que incluíam um total de 28 fogos, estando todos localizados no coração da zona histórica da cidade, designadamente nas freguesias da Sé, Vitória e São Nicolau.

No total, a autarquia portuense emitiu licenças para 57 fogos inseridos em projectos de reabilitação, dos quais 28 fogos em projectos de alojamento colectivo. Os restantes 29 dizem respeito a um só empreendimento localizado na freguesia do Bonfim.

Estes números comparam com a pouca dinâmica do licenciamento para habitação nova, que, no 1º trimestre de 2014, registou apenas um total de quatro fogos licenciados em todo o concelho.

Na análise aos últimos 12 meses (período compreendido entre o 2º trimestre de 2013 e o 1º trimestre de 2014), a emissão de licenças para habitação nova no Porto totalizou os 55 fogos, numa tendência trimestral descendente. Já no caso do licenciamento de obras em edificado (reabilitação), o volume de fogos residenciais licenciados nesse período de 12 meses foi de 104 unidades.

A Confidencial Imobiliário é uma empresa especializada na produção e difusão de indicadores de análise do mercado, detendo índices e bases de dados como o Índice Ci que é a mais antiga série sobre imobiliário em Portugal, com mais de 20 anos.