João Sousa bate Struff e marca encontro com Federer em Halle

Número um português alcançou na Alemanha a 10.ª vitória do ano em 28 jogos realizados.

João Sousa vai defrnotar Rafael Nadal
Foto
João Sousa vai defrnotar Rafael Nadal Pascal Guyot/AFP

João Sousa colocou nesta segunda-feira um ponto final numa série de sete derrotas consecutivas, ao vencer o alemão Jan-Lennard Struff na primeira ronda do Torneio de Halle, Alemanha, marcando encontro na segunda com o suíço Roger Federer.

Na estreia em relva em 2014, o 47.º jogador do ranking mundial venceu o 64.º, que entrou na prova por convite, em dois sets, pelos parciais de 6-4 e 6-2, em 1h09m.

João Sousa, que somou a 10.ª vitória do ano, em 28 jogos, concretizou três de 10 pontos de break e salvou os dois que enfrentou, num embate em que teve uma eficácia de 78% no primeiro serviço (30 em 38) e de 69% no segundo (nove em 13).

Desta forma, o vimaranense obteve a primeira vitória desde 7 de Abril, quando bateu o holandês Igor Sijsling, então 55.º da hierarquia, por 6-2 e 6-4, em 55 minutos, na primeira ronda do ATP 250 de Casablanca, em Marrocos.

Após essa vitória, João Sousa havia perdido sete vezes consecutivas a abrir em torneios ATP: Monte Carlo, Barcelona, Portugal Open, Madrid, Roma, Dusseldorf e Roland Garros, neste último face ao sérvio Novak Djokovic, o número 2 mundial.

Como o triunfo desta segunda-feira, o tenista luso, que já foi 38.º da tabela mundial (a 31 de Março de 2014), marcou encontro na segunda ronda com Roger Federer, o jogador que, desde 1973, apresenta o melhor registo em relva - 87,1% (122 vitórias e 18 derrotas).

O helvético, que conta 13 títulos em relva, sete dos quais em Wimbledon, entrou directamente na segunda ronda, tal como o espanhol Rafael Nadal, que no domingo venceu pela nona vez, em 10 anos, o torneio de Roland Garros, segundo Grand Slam do ano.