Três anos da troika em imagens

Um percurso pelos três anos de presença troika vistos pelas lentes dos fotojornalistas do PÚBLICO.

Três décadas depois, o FMI voltava a aterrar na Portela, desta vez acompanhado pela Comissão Europeia e o BCE. O PEC IV tinha falhado (hoje verifica-se que era o "menu infantil" da austeridade), os mercados fechado as portas ao país, e José Sócrates apresentado a demissão Nuno Ferreira Santos
Fotogaleria
Três décadas depois, o FMI voltava a aterrar na Portela, desta vez acompanhado pela Comissão Europeia e o BCE. O PEC IV tinha falhado (hoje verifica-se que era o "menu infantil" da austeridade), os mercados fechado as portas ao país, e José Sócrates apresentado a demissão Nuno Ferreira Santos

Este é um período que marca a história de Portugal. Ficam as imagens de um país que se descobriu mais pobre, mais indignado, com muito mais falências, desempregados, impostos e cortes nos rendimentos. Um país muitas vezes dividido entre os gabinetes e as pessoas, e onde quase não houve vida além da dívida.

Passos Coelho ganha as eleições a 5 de Junho de 2011 com 38,6%. Chega finalmente ao poder, preparando uma aliança com o CDS de Paulo Portas
Passos Coelho ganha as eleições a 5 de Junho de 2011 com 38,6%. Chega finalmente ao poder, preparando uma aliança com o CDS de Paulo Portas Nuno Ferreira Santos
O país vai descobrir-se mais pobre, com casos extremos. Muitas famílias recorrem pela primeira vez ao apoio alimentar prestado por várias instituições, como as IPSS
O país vai descobrir-se mais pobre, com casos extremos. Muitas famílias recorrem pela primeira vez ao apoio alimentar prestado por várias instituições, como as IPSS Enric Vives-Rubio
O povo ia saindo à rua, desta vez sem ser por iniciativa dos sindicatos. Primeiro foi o protesto da "geração à rasca", depois os dos "indignados". Outros se seguiriam, enchendo os centros urbanos das cidades
O povo ia saindo à rua, desta vez sem ser por iniciativa dos sindicatos. Primeiro foi o protesto da "geração à rasca", depois os dos "indignados". Outros se seguiriam, enchendo os centros urbanos das cidades Paulo Pimenta
Os membros iniciais da troika de credores apresentam-se ao país, em Lisboa. Depressa acabaram estas conferências de imprensa, deixando ao Governo o papel de dar as más notícias ao país
Os membros iniciais da troika de credores apresentam-se ao país, em Lisboa. Depressa acabaram estas conferências de imprensa, deixando ao Governo o papel de dar as más notícias ao país Rui Gaudêncio
"Maioria para a Mudança" foi o nome dado ao acordo de coligação entre o PSD e o CDS. Mudanças existiram muitas, mas houve momentos em que a maioria esteve por um fio
"Maioria para a Mudança" foi o nome dado ao acordo de coligação entre o PSD e o CDS. Mudanças existiram muitas, mas houve momentos em que a maioria esteve por um fio Rui Gaudêncio
Vítor Gaspar, praticamente desconhecido até assumir a pasta das Finanças, rapidamente se transformou no rosto da austeridade. Em Junho, assume funções como director do departamento de assuntos orçamentais do FMI
Vítor Gaspar, praticamente desconhecido até assumir a pasta das Finanças, rapidamente se transformou no rosto da austeridade. Em Junho, assume funções como director do departamento de assuntos orçamentais do FMI Nuno Ferreira Santos
À medida que as medidas de austeridade iam sendo implementadas, a contestação iam subindo de tom. Aqui, em Novembro de 2011, sindicatos e indignados manifestam-se junto ao Parlamento
À medida que as medidas de austeridade iam sendo implementadas, a contestação iam subindo de tom. Aqui, em Novembro de 2011, sindicatos e indignados manifestam-se junto ao Parlamento Rui Gaudêncio
O país viveu várias greves. Os transportes foram o sector mais atingido.
O país viveu várias greves. Os transportes foram o sector mais atingido. Nelson Garrido
A CGTP ficou sempre à margem de qualquer acordo de Concertação Social e assumiu-se como forte contestatária das medidas da troika e do Governo
A CGTP ficou sempre à margem de qualquer acordo de Concertação Social e assumiu-se como forte contestatária das medidas da troika e do Governo Nuno Ferreira Santos
Passos Coelho, ao implementar as medidas da troika e o seu programa de Governo, recebeu várias críticas de militantes sociais-democratas.
Passos Coelho, ao implementar as medidas da troika e o seu programa de Governo, recebeu várias críticas de militantes sociais-democratas. Adriano Miranda
Adriano Miranda
Foram vários os momentos de tensão ao longo dos três anos, nas ruas contra o Governo, mas também dentro da coligação
Foram vários os momentos de tensão ao longo dos três anos, nas ruas contra o Governo, mas também dentro da coligação Nuno Ferreira Santos
O risco de pobreza aumentou com a crise, subindo para 18,7% em 2012 o nível mais elevado desde 2005
O risco de pobreza aumentou com a crise, subindo para 18,7% em 2012 o nível mais elevado desde 2005 Adriano Miranda
Governo, troika e Presidente da República foram o alvo de várias manifestações
Governo, troika e Presidente da República foram o alvo de várias manifestações Paulo Pimenta
Paulo Pimenta
Paulo Pimenta
Rui Gaudêncio
Os cortes na educação e no ensino superior motivaram o protesto de estudantes e um braço-de-ferro entre o Governo e os reitores
Os cortes na educação e no ensino superior motivaram o protesto de estudantes e um braço-de-ferro entre o Governo e os reitores Nuno Ferreira Santos
O movimento “Que se lixe a troika!” assumiu-se como pivot da contestação na manifestação de 15 de Setembro de 2012
O movimento “Que se lixe a troika!” assumiu-se como pivot da contestação na manifestação de 15 de Setembro de 2012 Rui Gaudêncio
Diferentes gerações unidas contra a austeridade
Diferentes gerações unidas contra a austeridade Nuno Ferreira Santos
As centrais sindicais passaram a ter novas lideranças. Arménio Carlos assumiu o lugar de Carvalho da Silva na CGTP; Carlos Silva sucedeu a João Proença na UGT
As centrais sindicais passaram a ter novas lideranças. Arménio Carlos assumiu o lugar de Carvalho da Silva na CGTP; Carlos Silva sucedeu a João Proença na UGT Rui Gaudêncio
As decisões do Tribunal Constitucional, que chumbou várias medidas do Governo mas deixou passar muitas outras, suscitaram inúmeros debates e controvérsias. Quantos aos chumbos, foram contornados com outras medidas de austeridade.
As decisões do Tribunal Constitucional, que chumbou várias medidas do Governo mas deixou passar muitas outras, suscitaram inúmeros debates e controvérsias. Quantos aos chumbos, foram contornados com outras medidas de austeridade. Rui Gaudêncio
Nos últimos três anos, quase 20 mil empresas pediram a insolvência, mas o número de processos que entram nos tribunais tem vindo a abrandar
Nos últimos três anos, quase 20 mil empresas pediram a insolvência, mas o número de processos que entram nos tribunais tem vindo a abrandar Paulo Pimenta
Nas manifestações, pedia-se a demissão do Governo. A coligação tremeu, Passos evitou remodelações, mas pelo meio sofreu várias baixas no executivo
Nas manifestações, pedia-se a demissão do Governo. A coligação tremeu, Passos evitou remodelações, mas pelo meio sofreu várias baixas no executivo Enric Vives-Rubio
Depois da crise política no Verão de 2013, Passos garante que a legislatura é para levar até ao fim
Depois da crise política no Verão de 2013, Passos garante que a legislatura é para levar até ao fim Nelson Garrido
Maria Luís Albuquerque manteve a linhas da política orçamental de Vítor Gaspar
Maria Luís Albuquerque manteve a linhas da política orçamental de Vítor Gaspar Rui Gaudêncio
As diferenças de rendimentos entre os 10% mais ricos e os 10% mais pobres acentuaram-se
As diferenças de rendimentos entre os 10% mais ricos e os 10% mais pobres acentuaram-se Paulo Pimenta
Paulo Pimenta
A privatização dos Estaleiros de Viana do Castelo gerou uma onda de contestação, mas não evitou o seu desfecho final. Em três anos, o Estado vendeu diversas empresas e participações a um ritmo acelerado.
A privatização dos Estaleiros de Viana do Castelo gerou uma onda de contestação, mas não evitou o seu desfecho final. Em três anos, o Estado vendeu diversas empresas e participações a um ritmo acelerado. Paulo Pimenta
Cavaco Silva pediu “um acordo de médio prazo” entre partidos, mas os apelos não passaram do papel
Cavaco Silva pediu “um acordo de médio prazo” entre partidos, mas os apelos não passaram do papel Adriano Miranda
Paulo Pimenta
Paulo Pimenta
Sugerir correcção