Arquitectura

A “holística” Quinta do Lobo Branco

Fotogaleria

É um projecto "holístico", dedicado ao "bem-estar do corpo e espírito", alcançado também pela arquitectura, que aqui é para ser "sentida e experienciada". A Quinta do Lobo Branco, desenhada pelo gabinete AND-RÉ, abriu recentemente ao público em Penafiel. O desafio foi, desde o primeiro momento, homenagear a natureza e criar um espaço de escape, onde o tempo "passa lentamente", levando o visitante para longe do stress da vida contemporânea. Onde, agora, se realizam retiros a qualquer altura. Nasceram assim vários edifícios, separados ao longo do terreno, perfeitamente contextualizados nas condições naturais. Inspiradas na imagem dos palheiros tradicionais, as casas, com linhas simples e directas, pretendem ser "neutras" na paisagem, evitando uma "imposição agressiva da arquitectura" e aumentando "a proximidade entre o homem e a natureza", como apresenta o gabinete em comunicado. No interior, os andares inferiores, dedicados ao uso quotidiano, são totalmente permeáveis à luz, em contraposição com os espaços superiores, mais privados e intimistas, onde se pode adormecer debaixo de uma clarabóia, a olhar para as estrelas.

Sugerir correcção