Fernando Santos deixa selecção da Grécia após o Mundial do Brasil

Federação grega revela que a decisão foi do treinador português.

Fernando Santos
Foto
Fernando Santos AFP/UEFA

Fernando Santos, 59 anos, treinador da selecção grega de futebol desde 2010, irá deixar o cargo no final do Mundial 2014, que vai realizar-se no Brasil. A novidade, divulgada pela Lusa, foi anunciada pelo presidente da federação helénica, Georgis Sarris.

"A prioridade imediata é encontrar uma solução para liderar a equipa, para que a transição se faça de forma segura em Setembro, na qualificação para o Euro 2016", destacou o mesmo responsável.

Eleito naquele país como "técnico do ano" em 2013, o homem que ficou conhecido em Portugal como o "engenheiro do penta", por ter levado o FC Porto a um inédito pentacampeonato, trabalhou 11 temporadas – de forma não consecutiva –  na Grécia, onde dirigiu o AEK, Panathinaikos e PAOK, além da selecção nacional grega, desde 2010.

"Há algum tempo informei os membros da direcção que Fernando Santos vai terminar o seu trabalho com a selecção após a fase final do Mundial 2014", revelou o mesmo dirigente, em declarações publicadas no site da federação. Sarris sublinhou que a decisão foi do técnico português e que este continuará a merecer o respeito daquele organismo, assegurando o empenho para cumprir os objectivos estabelecidos para o Mundial 2014.

Santos assumiu o comando técnico da formação que conquistou o título europeu em 2004, logo após a eliminação grega no Mundial de 2010. Os gregos deixaram a competição na fase de grupos, precipitando a saída do técnico de então, o alemão Otto Rehhagel.

O treinador guiou a Grécia até ao Euro 2012, conquistando o grupo de apuramento no meio de uma série de 16 jogos sem perder e depois chegou aos quartos-de-final do torneio. Para o Mundial 2014, a prestação foi menos boa, conseguindo uma vaga apenas no play-off, contra a Roménia.

O registo de Santos no banco helénico é positivo: nestes anos, somou 24 vitórias, 13 empates e quatro derrotas.

No Mundial do Brasil, a equipa grega está integrada no grupo C, com Colômbia, Costa do Marfim e Japão. Antes disso, vai defrontar Portugal, num jogo particular agendado para 31 de Maio.