Naufrágio na Costa da Caparica faz seis mortos e um ferido

Embarcação de recreio tinha sete tripulantes e naufragou em frente à praia do CDS, neste sábado ao início da noite.

O naufrágio de uma embarcação de recreio ao largo da Costa da Caparica, em Almada, ao final da tarde deste sábado, provocou seis mortos e um ferido, segundo fonte da Capitania do Porto de Lisboa.

Trata-se de uma embarcação de recreio, com cabine e com sete metros de comprimento, que naufragou perto da costa, na zona da praia do CDS, com sete pessoas a bordo. O alerta foi dado pouco depois das 19h30 por um dos sete tripulantes, o único sobrevivente, que conseguiu chegar à praia, segundo disse à Lusa fonte do Centro de Busca e Salvamento Marítimo.

As restantes seis vítimas foram resgatadas já cadáveres: um corpo foi encontrado na praia do CDS e cinco foram encontrados na praia do Norte, de acordo com a mesma fonte.

O sobrevivente foi transportado para o hospital Garcia de Orta, em Almada, com sintomas de hipotermia, segundo o comandante Miguel Silva, dos Bombeiros de Cacilhas.

O distrito de Setúbal está sob aviso amarelo desde as 15h devido à agitação marítima, com previsão de ondas entre 3,5 e 4,5 metros, até à meia-noite de domingo. "O mar não está fácil, está agitado", confirma o comandante, ressalvando que ainda não são conhecidas as causas do acidente. No entanto, a fonte do Centro de Busca e Salvamento Marítimo que falou à Lusa aponta a forte agitação marítima como causa provável.


 

Sugerir correcção