Dois terços da Sagrada Família de Barcelona estão já prontos e obra termina em 2026

Arquitecto responsável por completar projecto de Gaudí diz que, se o ritmo continuar assim, o projecto estará pronto na data prevista.

http://youtu.be/RcDmloG3tXU

As obras da Sagrada Família, a famosa basílica inacabada de Barcelona, estão a avançar bem e já estão prontas a 65%, com o arquitecto responsável pela finalização do projecto de Antoni Gaudí a garantir que os trabalhos estarão mesmo prontos em 2026.

A igreja de cinco torres começada em 1882 mas cujos trabalhos duram ainda vai estar aberta ao público na próxima semana (dias 22, 23 e 24 de Setembro) para que seja possível avaliar o progresso das obras, como foi anunciado esta semana em comunicado. “Vamos conseguir [terminar em 2026] se mantivermos o ritmo actual das obras", disse à imprensa espanhola o arquitecto que dirige o projecto, Jordi Faulí, e que está a trabalhar na Sagrada Família há 26 anos. “Nunca pensei poder avançar tanto em tão pouco tempo.”

Para já, estão prontos 65% do complexo e ambicioso edifício que, apesar de inacabado, é um dos pontos turísticos mais conhecidos e visitados de Espanha e um dos ícones do trabalho de Gaudí em Barcelona. As visitas são uma importante fonte de receita para o financiamento da construção da Sagrada Família, estimando-se que anualmente os turistas contribuam com 13 a 20 milhões de euros com a compra de bilhetes, aos quais se juntam donativos, precisa o jornal francês Le Figaro.

O objectivo de ter a basílica pronta em 2026 foi anunciado em 2010, quando se cumpriu o centenário da morte de Antoni Gaudí (autor das casas Milà – ou La Pedrera - ou Vicens, do parque Güell, classificadas como Património da Humanidade pela UNESCO) e o Papa Bento XVI consagrou o edifício.

Notícia corrigida às 12h07: alteração do título