Fotogaleria
Mugi Yamamoto/ECAL
Fotogaleria
Mugi Yamamoto/ECAL

Stack, a impressora que engole o papel para o imprimir

Um designer japonês criou uma impressora mais pequena, mais leve e mais bonita do que as tradicionais. A Stack engole pilhas de papel, imprime e cria uma nova pilha, já pronta

Mugi Yamamoto, um designer japonês a estudar na École Cantonale d’Art de Lausanne (ECAL), na Suíça, criou uma impressora a jacto compacta que é “colocada no topo de uma pilha de papel”. “Quando está a imprimir, a Stack desce lentamente e engole a pilha até não haver papel”, descreve à Wired. O papel desaparece por baixo da impressora e sai por cima, criando uma nova pilha.

O objecto que Yamamoto desenhou tem “uma fracção do tamanho de uma impressora normal” e é suposto ser portátil, fácil de usar e uma “actualização atractiva da feia impressora cinzenta”, continua a revista. A Stack mede menos que uma folha de papel A3 e tem apenas cinco centímetros em altura, o que a torna facilmente arrumável numa gaveta.

Graças a esta nova forma de imprimir é possível “eliminar o tabuleiro do papel, o elemento mais volumoso das impressoras comuns”, diz Yamamoto no seu site. Este conceito permite que a impressora tenha uma aparência mais leve e elimina a necessidade de um abastecimento de papel frequente.

“As impressoras são objectos tão comuns e presentes no nosso quotidiano e, ainda assim, têm sempre o mesmo aspecto e trabalham quase sempre da mesma forma”, justifica Yamamoto. “Acho que não é dada a devida atenção às impressoras no design mundial de hoje.”

Por agora, a Stack é apenas um protótipo, mas o designer gostava de trabalhar com empresas para estudar possibilidades de produção em massa do seu produto.