Vertty, as toalhas de praia que andam em digressão

São 100% portuguesas e 30% mais leves do que as toalhas de praia convencionais. As Vertty são uma criação de quatro jovens portugueses, em "tour" pela Europa

Foto
DR

Por esta altura, Diogo, Frederico, Luís e Bernardo estão a caminho da costa italiana. Os quatro amigos já passaram pela costa sul de Espanha e pela Côte d’Azur, em França, a bordo de uma Citroën HY, de 1957. Não estão numa “roadtrip” de férias, mas sim em trabalho. A mala da carrinha está cheia de toalhas de praia coloridas.

A Vertty é uma marca “100% portuguesa”, originalmente pensada por Diogo Cruz. O jovem de 24 anos, que estudou na Harvard Business School, estava a fazer surf numa praia a norte de Sydney, na Austrália, quando se apercebeu de que podia criar um produto de design no mercado das toalhas de praia.

Daí até à primeira toalha da marca foi um longo processo de pesquisa. Diogo contactou “mais de 20 designers a pedir diferentes modelos para o produto final” e escolheu Frederico Cardoso (25 anos), o criador dos triângulos que compõem estas toalhas. Luís Figueiredo (26) e Bernando Torres juntaram-se-lhes. “O conceito por detrás de toda a marca é o da transição da cidade para a praia”, define Diogo, ao P3. “A toalha Vertty é o ícone que carrega toda a elegância e sofisticação da cidade e acompanha a viagem até ao ambiente mais relaxado da praia.”

Foto
Disponíveis em nove cores diferentes, as toalhas Vertty custam 69,90 euros DR

Toalhas "made in" Guimarães

Foto
Os quatro amigos fundadores da Vertty estão em digressão pela Europa para promoverem a marca DR

As Vertty “são produzidas num tecido especial chamado Ketten”, explica Diogo, que as torna “30% mais leves que o algodão tradicional” — isto porque a parte central da toalha não absorve a água. São 10% maiores “que uma toalha de praia normal” (185x110 centímetros) e têm, ainda, “um discreto bolso à prova de água).

Foto
A carrinha Citroën HY, de 1957, foi modificada e funciona como showroom da marca DR

Todas as toalhas da jovem marca são produzidas em Guimarães; as caixas coloridas com forma triangular são produzidas em Lisboa, “numa parceria entre três empresas”.

Até agora, a digressão europeia tem superado as expectativas dos quatro amigos (mesmo em termos de vendas). “As pessoas adoram o conceito, a marca e, principalmente, o design das toalhas. É o nosso maior orgulho”, sublinha Diogo. No Sul de França, o “feedback” foi ainda melhor que em Espanha. Cinqueterre e Portofino, em Itália, e Biarritz, em França, são os próximos destinos no mapa. Setembro será o mês da costa portuguesa.

Para já, a marca não tem qualquer ponto de revenda; as toalhas Vertty são vendidas exclusivamente online, a 69,90 euros (portes de envio grátis para toda a Europa) e estão disponíveis em nove cores diferentes. A ideia dos fundadores sempre foi criar um produto com “altíssimo potencial de exportação” — com algumas novas cores e edições especiais, que ainda querem implementar.