"Abrimos a parte de trás do vagão e começámos a retirar pessoas"

As primeiras pessoas a socorrer as vítimas do acidente em Santiago de Compostela foram os moradores que vivem junto à linha ferroviária. Martin Rozas, 39 anos, ligou para os números de emergência e logo de seguida ajudou a retirar pessoas das carruagens. Maria Teresa Ramos, 62 anos, estava em casa quando ouviu o estrondo. Correu para o local com cobertores e toalhas para dar assistência aos feridos.