Abençoados sejam

Foto

Viva Edward Snowden! Que não seja nunca apanhado e viva uma vida secreta e feliz.

É animadora a coragem dele, de mostrar que estamos a ser vigiados e que todas as companhias que usamos "de graça" (Facebook, Google), a que pagamos pouco (Skype) ou muito (Microsoft, Apple) estão a trair-nos e a divulgar os nossos dados, grátis, aos poderes políticos que as solicitam.

Pode ser que seja este gesto de Edward Snowden, com 29 anos, a ganhar mais de 12 mil euros por mês, que nos revele a nossa inocência e vulnerabilidade perante os poderes internéticos, cada vez mais prestáveis aos poderes políticos, por razões exclusivamente gulosas e financeiras.

Mesmo assim, devemos fazer tudo para celebrar e honrar o primeiro herói da segunda década do século XXI, preso e maltratado desde 2010 e só agora a ser mal e injustamente julgado: Bradley Manning, hoje com 25 anos, o patriota e libertário que deu asas aos anjos do WikiLeaks.

Fica mal ao bom Obama ceder ao velhíssimo complexo militar-industrial e colaborar na diabolização de quem o denunciou.

Tanto Edward Snowden como Bradley Manning são grandes pessoas e exemplos, mais importantes ainda do que Julian Assange, que é um cúmplice e um amigo e agente do jornalismo de verdade.

As revelações da verdade e da vida são, cada uma, uma parte da verdade de viver. Bradley Manning, apanhado e torturado, é uma pessoa que deu força a Edward Snowden.

Sugerir correcção