Houve sete golos mas o Real Madrid só ganhou por um

A equipa de José Mourinho venceu o Valladolid pela margem mínima (4-3).

Cristiano Ronaldo fez dois golos
Foto
Cristiano Ronaldo fez dois golos Susana Vera/Reuters

O Real Madrid recebeu e venceu o Valladolid, impondo-se pela margem mínima num jogo que teve sete golos (4-3). Cristiano Ronaldo “bisou” na partida, com Di María e Kaká a fazerem os outros golos dos merengues.

O Santiago Bernabéu não intimidou o Valladolid, que deu boa réplica ao Real Madrid. Logo aos oito minutos os visitantes colocaram-se em vantagem com um golo de Óscar. Mas a resposta dos merengues não se fez esperar. Di María restabeleceu a igualdade aos 26’, e depois assistiu Cristiano Ronaldo para o 2-1 (32’). Estava feita a reviravolta no marcador.

Só que o Valladolid não baixou os braços. E, três minutos depois do golo de Cristiano Ronaldo, Javi Guerra fez o empate.

Ainda antes do intervalo, Cristiano Ronaldo acertou na trave da baliza visitante, na marcação de um livre directo.

Esse percalço não tirou ânimo ao Real Madrid, e logo a abrir a segunda parte a equipa de José Mourinho voltou a adiantar-se no marcador. Kaká recebeu a bola de Benzema e, de pé esquerdo, bateu o guarda-redes do Valladolid.

Cristiano Ronaldo, aos 70’, fez o 4-2. Novamente de cabeça, o internacional português apontou o 33.º golo na Liga espanhola em 2012-13.

Mas o Valladolid ainda não estava totalmente submetido. E ainda houve tempo para mais um golo dos visitantes, na recta final da partida. Lluis Sastre, com um remate de fora da área, bateu Diego López pela terceira vez.