Prazo para IRS sem prolongamento, apesar de filas e sobrecarga do site

Presidente do sindicato diz que não há razões para alargar prazos.

Foto
IRS desceu 6,7% para os 9816,3 milhões Ana Banha

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores dos Impostos assegurou que as longas filas registadas nesta terça-feira nas repartições e o congestionamento do site da Autoridade Tributária não motivarão o alargamento do prazo para a entrega de declarações do IRS.

Em declarações à Lusa, Paulo Ralha deu conta de que esta terça-feira, último dia do prazo para entrega das declarações de IRS dos trabalhadores por conta de outrem e pensionistas, se verificaram “vários constrangimentos”. “Hoje foi um dia em que praticamente em todo o país houve filas de espera muito acentuadas”, indicou, acrescentando que esta situação “é o reflexo da falta de pessoal que se sente e que, em momentos críticos, se torna muito mais grave”, razão pela qual hoje “estiveram serviços [que habitualmente encerram às 16h] a funcionar até às 19h e 20h para atender contribuintes”.

Quanto às declarações electrónicas, entregues através do site da Internet da Autoridade Tributária e Aduaneira, o dirigente sindical referiu a existência de “uma sobrecarga”, que classificou como “normal nos momentos em que há uma grande afluência e o sistema não consegue fazer o tratamento da informação”, o que origina “momentos de espera, em que não se consegue ter acesso ao portal para fazer a descarga da declaração”. Apesar destes constrangimentos, “não haverá qualquer alargamento do prazo”, disse Paulo Ralha.

“Neste momento, não está a ser equacionado, nem há qualquer facto que justifique o alargamento do prazo, uma vez que tudo decorreu normalmente”, observou. “Não houve qualquer facto extraordinário, qualquer impedimento que tenha acontecido nos últimos dias, nomeadamente greves ou qualquer outro tipo de situação, que tenha encerrado os serviços ou impossibilitado a entrega das declarações”. “Está tudo dentro do que é normal e não haverá qualquer prazo suplementar”, reiterou.