Empresas de Lisboa podem tornar-se "amigas das bicicletas"

Promover a mobilidade em bicicleta na cidade é o objectivo do selo amanhã dia 24 deste mês.

O parqueamento seguro de bicicletas é um dos requisitos para obter o selo
Foto
O parqueamento seguro de bicicletas é um dos requisitos para obter o selo João Gaspar/Arquivo

A partir desta quarta-feira, as empresas lisboetas poderão pedir um selo de reconhecimento "Empresa Amiga das Bicicletas", uma iniciativa da MUBi — Associação pela Mobilidade Urbana em Bicicleta, com o apoio da Câmara de Lisboa e da EMEL. O objectivo é incentivar o uso da bicicleta como meio de deslocação diário e premiar as empresas que promovam o hábito junto dos seus empregados.

Num comunicado emitido nesta terça-feira, a MUBi refere que a bicicleta se assume “como uma alternativa competitiva para o cidadão”, mas que “também as empresas também têm muito a ganhar com esta opção”, uma vez que, segundo a associação, as empresas poderão reduzir os custos com estacionamento se os seus empregados trocarem o automóvel pela bicicleta.

Para receber o selo, as empresas devem ter condições para o estacionamento de bicicletas nas suas imediações. Mas outras práticas são também sugeridas pela MUBi às empresas, como a instalação de duches, a oferta de bicicletas aos empregados ou passeios conjuntos frequentes neste tipo de veículos.

O selo agora criado terá uma validade anual e pode ser pedido em www.selo.mubi.pt. As empresas que tenham reconhecimento receberão um diploma comprovativo. Além disso, a MUBi disponibiliza-se para encontrar soluções, juntamente com a Câmara e a EMEL, para criar condições de parqueamento de bicicletas nas empresas ou instituições candidatas.