O rookie que ofuscou a concorrência no circuito estreante

Marc Márquez é o mais jovem piloto a obter uma pole position em MotoGP.

Marc Márquez está a exibir qualidades
Foto
Marc Márquez está a exibir qualidades DR/motogp.com

O Circuito das Américas, em Austin (Texas), é estreante no calendário do Mundial de motociclismo. Marc Márquez também cumpre a primeira temporada enquanto piloto de MotoGP. Mas, mesmo com apenas 20 anos (completados há dois meses), o espanhol não se inibe de fazer sombra aos maiores. Protagonizou no Qatar um duelo aceso pelo segundo lugar com o ídolo de infância Valentino Rossi. E, neste sábado, bateu a concorrência para garantir a pole position para o Grande Prémio das Américas – a primeira em MotoGP e a 29.ª da carreira.

Márquez tinha ido ao chão durante os treinos livres, mas teve forças para se tornar no mais jovem piloto a obter uma pole position na categoria rainha, destronando o campeão mundial de 1983, Freddie Spencer. “Estou muito contente, mas o mais importante é a corrida”, vincou.

Em Moto3, o fim-de-semana de Miguel Oliveira tinha começado bem (oitavo na primeira sessão de treinos livres e quarto na segunda), mas as coisas complicaram-se para o piloto português. “O mais difícil e técnico circuito que corri até hoje! Não me sinto confortável com a frente da moto, o que não me deixa ser mais rápido”, queixava-se Miguel Oliveira na rede social Facebook, antes da qualificação. Os resultados confirmaram as dificuldades: o português ficou-se pelo 18.º tempo e sairá no domingo (17h, SP-TV3) da sexta linha da grelha de partida.

O diagnóstico estava à vista. “Fizemos alterações no acerto da moto que não foram os melhores. Não tínhamos velocidade e sentimos muitos problemas à entrada em curva, o que nos fez perder muito tempo”, disse Miguel Oliveira, em declarações reproduzidas pela sua assessoria de imprensa. “Vamos tentar encontrar soluções e melhorar a moto. Quero somar o maior número de pontos possível e minimizar os danos, mas confesso que já estou a olhar para a frente e para a primeira jornada europeia”, admitiu.

O britânico Scott Redding sairá da pole position em Moto2, tendo-se superiorizado ao japonês Takaaki Nakagami e ao espanhol Nicolás Terol na qualificação.

Grelha de partida – GP das Américas

MotoGP
1.º Marc Márquez (Honda), 2m03,021s
2.º Dani Pedrosa (Honda), a 0,254s
3.º Jorge Lorenzo (Yamaha), a 1,079s
4.º Cal Crutchlow (Yamaha), a 1,246s
5.º Stefan Bradl (Honda), a 1,424s

Moto2
1.º Scott Redding (Kalex), 2m10,577s
2.º Takaaki Nakagami (Kalex), a 0,689s
3.º Nicolás Terol (Suter), a 0,710s
4.º Esteve Rabat (Kalex), a 0,806s
5.º Dominique Aegerter (Suter), a 1,029s

Moto3
1.º Álex Rins (KTM), 2m16,396s
2.º Luis Salom (KTM), a 0,483s
3.º Maverick Viñales (KTM), a 0,704s
4.º Jack Miller (FTR Honda), a 1,907s
5.º Jonas Folger (Kalex KTM), a 2,174s
(...)
18.º Miguel Oliveira (Mahindra), a 3,120s