Poiares Maduro participa no Conselho Nacional do PSD

Novo ministro surpreendeu os conselheiros ao aparecer na reunião, em que foi aprovado voto de louvor a Miguel Relvas.

Miguel Poiares Maduro, na tomada de posse
Foto
Miguel Poiares Maduro, na tomada de posse Enric Vives-Rubio

Quando se esperavam críticas à escolha do novo ministro-adjunto por ter um perfil muito académico, Miguel Poiares Maduro compareceu no Conselho Nacional do PSD, que está a decorrer em Lisboa.

Miguel Poiares Maduro, que de manhã tomou posse como ministro-adjunto do Desenvolvimento Regional, chegou pouco antes do encontro dos sociais-democratas, acompanhado pelo eurodeputado Carlos Coelho.

O novo governante é militante do PSD mas não vem das estruturas sociais-democratas, o que desapontou alguns militantes que também esperavam uma remodelação mais profunda do Governo.

Além de Miguel Poiares Maduro estão os ministros da Justiça, Paula Teixeira da Cruz, da Saúde, Paulo Macedo, e da Defesa, Aguiar-Branco.

Na primeira hora de reunião, que decorre à porta fechada, os sociais-democratas estiveram a discutir a questão das eleições autárquicas. Fernando Seara, actual presidente da câmara de Sintra e anunciado como candidato a Lisboa, afirmou ter consciência das dificuldades que iria enfrentar por causa da limitação de mandatos, mas garantiu que iria lutar até ao fim, segundo relatos feitos ao PÚBLICO.

Conselho Nacional do PSD aprova voto de louvor a Relvas

Nesta reunião, foi proposto por um grupo de militantes um voto de louvor a Miguel Relvas, que hoje deixou o cargo de ministro-adjunto e dos Assuntos Parlamentares.
O texto foi aceite pela mesa do Conselho Nacional do partido e o voto de louvor ao ministro Miguel Relvas foi aprovado por uma larga maioria - 174 votos a favor, três abstenções e um voto contra (Virgínia Estorninho).