“Bombas” de Hugo Viana e Alan dão vitória ao Sporting de Braga

Dois grandes remates garantiram o triunfo (2-0) sobre o Marítimo.

Hugo Viana fez o primeiro golo da vitória do Sporting de Braga
Foto
Hugo Viana fez o primeiro golo da vitória do Sporting de Braga Miguel Riopa/AFP

O Sporting de Braga obteve neste sábado a terceira vitória consecutiva na I Liga. A equipa de José Peseiro recebeu e bateu (2-0) o Marítimo, com um grande golo de Hugo Viana nos últimos minutos da primeira parte, e outro excelente momento de Alan, já no tempo de compensação. Os minhotos passam a somar 40 pontos e sobem (à condição) ao terceiro lugar na tabela, ultrapassando o Paços de Ferreira (tem 38 pontos), que só joga no domingo.

A partida começou equilibrada, e só no último quarto de hora da primeira parte o Sporting de Braga conseguiu impor-se ao Marítimo. Na sequência de um livre, Paulo Vinicius desviou, de cabeça, ao lado da baliza dos insulares (30’). E depois foi Alan a rematar à figura de Salin. Mossoró também teve oportunidade para inaugurar o marcador, mas acabaria por perder a bola.

O golo surgiu aos 41’, num grande remate de Hugo Viana. O médio internacional português disparou de longe e a trajectória da bola traiu o guarda-redes Salin, que pareceu mal batido.

A vantagem deu confiança ao Sporting de Braga, que regressou melhor na segunda parte. Mas, apesar das oportunidades de golo de que dispôs, a equipa de José Peseiro só conseguiu ampliar o resultado nos derradeiros instantes.

Mossoró serviu Hélder Barbosa, mas o remate deste foi interceptado, logo a abrir o segundo tempo. E depois (55’) foi Carlão a ver Salin brilhar, por duas vezes, e a “roubar-lhe” o golo. O guarda-redes do Marítimo defendeu o remate do avançado brasileiro, e depois desviou o cabeceamento para o poste.

Até ao final seriam os guarda-redes a brilhar mais em Braga: Salin defendeu bem um livre directo marcado por Hugo Viana, e na baliza contrária Quim contou com alguma felicidade. Aos 75’, o sul-coreano Suk isolou-se e rematou – o guarda-redes internacional português viu a bola passar-lhe por entre as pernas e bater no poste.

O 2-0 surgiria já no tempo de compensação. Na sequência de um pontapé de canto, Alan recebeu a bola e entrou na área, rematando cruzado sem hipóteses para Salin. Estava confirmada a vitória do Sporting de Braga. O Marítimo viu ser interrompida uma série de quatro jogos sem perder no campeonato.