Federação iliba FC Porto, que continua na Taça da Liga

O conselho de disciplina da FPF julgou improcedente a acusação formulada contra os portistas.

Seba no jogo contra o V. Setúbal
Foto
Seba no jogo contra o V. Setúbal Fernando Veludo/NFactos

A secção profissional do conselho disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) julgou improcedente a acusação formulada pela comissão de instrução e inquérito (CII) da Liga de clubes contra o FC Porto, Fabiano, Seba e Abdoulaye, e deliberou absolvê-los, pelo que os "dragões" se mantêm a disputar a Taça da Liga.

Em causa estava a presumivel violação dos regulamentos da prova pelo facto de os "dragões" terem utilizado Fabiano, Abdoulaye e Sebá pela sua equipa B, frente à Naval, e, menos de 72 horas depois, diante do V. Setúbal, na 3.ª jornada da fase de grupos da Taça da Liga.

Considerou o conselho de justiça da FPF que não se aplica o artigo 13.º do Anexo V ao Regulamento das Competições quando a prova em questão é a Taça da Liga. E justifica esta posição com o facto de o referido Anexo V ter como título "Regulamento de inscrição e participação de equipas B na II Liga por clubes da I Liga", acrescentando que o Regulamento das Competições, no seu artigo 1.º, "regula a participação das equipas B no campeonato da II Liga".

Assim, o CD da FPF entendeu que o artigo que sustenta a acusação (o 13.º do Anexo V) apenas se aplica à I e II Ligas e não à Taça da Liga.

Desta forma, o FC Porto receberá o Rio Ave nas meias-finais da Taça da Liga , enquanto o Benfica visitará o Sporting de Braga, em jogos marcados para 27 de Fevereiro.