Jogador do Burkina Faso foi despenalizado e pode jogar final da CAN

Pitroipa tinha sido expulso por causa de uma suposta simulação dentro da grande área do Gana.

Pitroipa reage depois de ter visto o cartão vermelho contra o Gana
Foto
Pitroipa reage depois de ter visto o cartão vermelho contra o Gana Issouf Sanogo/AFP

O jogador do Burkina Faso, Jonathan Pitroipa, que tinha sido expulso de forma polémica na meia-final com o Gana, foi despenalizado pela Confederação Africana de Futebol (CAF) e poderá jogar na final de domingo contra a Nigéria.

A CAF tomou a decisão depois de o árbitro do encontro, o tunisino Slim Jdidi, entretanto repreendido oficialmente pela sua performance na final, ter admitido que errou nesse lance em particular. Pitroipa, uma das grandes figuras da sua selecção, viu o segundo amarelo durante o prolongamento por uma suposta simulação dentro da área, numa jogada em que o jogador foi efectivamente derrubado por um adversário.

O Burkina Faso eliminou o gana no desempate por grandes penalidades (3-2), depois de um empate a um no final do tempo regulamentar e do prolongamento.