Arsenal cilindra o Newcastle em jogo louco

Uma ponta final devastadora da equipa de Arsène Wenger valeu a goleada (7-3) sobre o Newcastle.

Não foi um nem dois: foram três os golos marcados por Walcott
Foto
Não foi um nem dois: foram três os golos marcados por Walcott Glyn Kirk/AFP

O Arsenal somou a quarta vitória seguida na Premier League, com uma goleada (7-3) frente ao Newcastle. Mas o encontro foi tudo menos fácil para a equipa orientada por Arsène Wenger. A incerteza dominou o marcador até meio da segunda parte, quando os avançados do Arsenal decidiram o rumo do jogo.

Por três vezes o Arsenal esteve à frente no marcador, e por três vezes o Newcastle anulou a vantagem dos gunners: Theo Walcott marcou (20’), Demba Ba respondeu (43’); Oxlade-Chamberlain marcou (50’), Marveaux respondeu (59’); Podolski marcou (64’), Demba Ba respondeu (69’).

A equipa de Alan Pardew parecia disposta a não entregar pontos de mão-beijada ao Arsenal, mas as forças como que se esgotaram após o 3-3. Theo Walcott recolocou os gunners na frente ao marcador aos 73’, e a partir daí não surgiu resposta do Newcastle. Pelo contrário, foi a equipa londrina que continuou a marcar golos.

Girou entrou na partida e “bisou” em apenas três minutos (85’ e 87’). E, já no período de compensação, Walcott completou o hat-trick apontando o 7-3 final. O Arsenal soma 33 pontos e entra em 2013 às portas dos lugares “europeus” na Premier League. Já o Newcastle averbou a oitava derrota em dez jogos e segue no 15.º posto da tabela, com 20 pontos.