Casillas: "Há que aceitar a decisão do treinador"

O guarda-redes do Real Madrid admite que não está habituado a ser suplente, mas aceita a escolha de José Mourinho.

Casillas: "Não estou habituado a ser suplente"
Foto
Casillas: "Não estou habituado a ser suplente" Jon Nazca/Reuters

Pela primeira vez em dez anos, Iker Casillas não foi, por opção técnica, o dono da baliza do Real Madrid em jogos da liga espanhola. Os “merengues” acabariam por perder esse jogo na Andaluzia com o Málaga por 3-2, com o habitual suplente Adán a titular, e o técnico José Mourinho foi o alvo de todas as críticas por abdicar do seu “capitão”.

Depois de ter passado o dia em silêncio, Casillas reagiu com diplomacia à sua despromoção, atribuindo a Mourinho o direito da escolha. “Não estou acostumado a ser suplente, mas a equipa está acima de qualquer jogador. Há que aceitar a decisão do treinador, treinar mais e recuperar a titularidade”, declarou neste domingo o guardião espanhol.

Casillas afirmou que já tinha ficado com a sensação de que iria ser suplente, mas que Mourinho não lhe disse nada: “Durante a semana fiquei com essa impressão. Mourinho não me disse nada, mas ele não tem de dar explicações, nem quando jogas, nem quando não jogas.”

Ao contrário do que diz Mourinho, Casillas considera estar em boa forma. “Sinto-me bem, mas quem decide é o treinador e tenho de continuar a treinar para recuperar a sua confiança”, declarou.