Chelsea em maus lençóis na Liga dos Campeões

Foto
Festa dos jogadores da Juventus, consternação dos jogadores do Chelsea Giuseppe Cacace/AFP

Shakhtar, Bayern Munique e Valência garantiram o apuramento para os oitavos-de-final da Liga dos Campeões.

O jogo com mais golos garantiu o apuramento ao Shakhtar e deixou Juventus e Chelsea a lutarem pela vaga nos “oitavos” que sobra no Grupo E. Na Dinamarca, os campeões da Ucrânia defrontaram o Nordsjaelland e conseguiram uma robusta vitória por 5-2. Os dinamarqueses estiveram duas vezes na frente — golos de Nordstrand (24’) e Lorentzen (29’) —, mas não resistiram ao samba ucraniano: os cinco golos do Shakhtar foram apontados pelos brasileiros Luiz Adriano (26’, 53’ e 81’) e Willian (44’ e 50’). No outro jogo do grupo, o Chelsea ficou com pé e meio na Liga Europa após perder em Turim, por 3-0. Os golos da Juventus foram apontados por Quagliarella (38’), Vidal (61’) e Giovinco (90’). Com esta derrota, o Chelsea precisa de vencer, na última jornada, o Nordsjaelland e esperar que a Juventus seja derrotada em Donetsk. Qualquer outra conjugação de resultados coloca os ingleses fora da prova.

No Grupo F, Valência e Bayern aproveitaram a derrota do BATE para garantirem a qualificação. Os bielorrussos foram derrotados em casa pelo Lille (2-0), resultado que garantia o apuramento a espanhóis e alemães em caso de empate entre as duas equipas no Mestalla. E foi isso que aconteceu: Feghouli marcou primeiro para o Valência (77’), Müller restabeleceu a igualdade (82’).

O Manchester United não ajudou o Sp. Braga. Já apurados, os ingleses deixaram as estrelas em casa e perderam em Istambul por 1-0. Yilmaz marcou o golo que afasta os bracarenses das provas europeias.

Sugerir correcção
Comentar