Futebol

Éder quer ganhar títulos em Braga

Éder já marcou sete golos esta época
Foto
Éder já marcou sete golos esta época Foto: AFP

O avançado Éder, melhor marcador da I Liga de futebol, afirmou esta terça-feira que atravessa o melhor momento da sua carreira e que sonha em ganhar títulos no Sporting de Braga e em afirmar-se na selecção nacional.

O internacional português, de 24 anos, já marcou sete golos esta época, seis no campeonato e uma na Taça de Portugal, e lidera a tabela de marcadores da Liga juntamente com Jackson Martinez, do FC Porto.

O jogador admitiu que nunca esperou estar nesta posição de destaque neste momento da época, mas frisou que tem “vindo a trabalhar para isso”.

“Nesta altura sonho ganhar títulos pelo Braga, fazer o meu melhor e com certeza que vamos conseguir”, afirmou à margem de mais uma visita de uma delegação do clube a uma escola da cidade (Colégio Lar D. Pedro V).

O jogador prefere destacar o colectivo e a sua vontade de vencer, notando que “se o grupo estiver bem as individualidades acabam por sobressair”, mas considera ter atingido um nível inédito na sua ainda curta carreira.

“Este é o meu melhor momento na minha carreira, estou a jogar no Braga, as coisas estão a correr bem e tenho jogado em competições interessantes, como a Liga dos Campeões”, afirmou.

O treinador do Benfica, Jorge Jesus, considerou há poucos dias que são três os candidatos ao título, FC Porto, Benfica e Braga, opinião que Éder vê com agrado.

“Espero bem que assim seja, que essa luta aconteça, vamos fazer por isso e complicar muito as coisas aos nossos adversários. O Braga tem capacidade para levar até ao fim esse objectivo de ficar entre os primeiros lugares, nos últimos anos tem demonstrado isso”, disse.

O jogador tem sido chamado ultimamente pelo seleccionador nacional, Paulo Bento, e afirmar-se na selecção A é um objectivo para o jogador nascido na Guiné-Bissau.

“Ser titular? Trabalho para estar entre os eleitos e acho que tenho possibilidades de evoluir. Trabalhando dia após dia as oportunidades vão surgir”, afirmou Éder, admitindo que é um avançado “um bocado diferente dos jogadores que têm sido chamados à selecção nacional”.

O jogador não quis dizer se a sua ambição passa por jogar no estrangeiro ou num clube de maior dimensão em Portugal depois de cumpridas as metas que estabeleceu de afirmar-se no Sporting de Braga e na selecção.

“Vim para Braga para ficar um bom tempo, estou bem aqui, fui muito bem acolhido e é nisso que estou focado”, concluiu.

Também presente esteve o defesa central Aníbal, que tem alinhado na equipa B, penúltima classificada da II Liga com os mesmos seis pontos que o último (Freamunde) e que ainda não conseguiu alcançar qualquer vitória, apesar de já ter mudado de treinador (António Conceição substituiu Artur Jorge).

“A equipa B está numa fase de crescimento, com jogadores jovens, que querem trabalhar, crescer e lutar pelas vitórias que, de facto, não têm aparecido. Mas este é um processo contínuo, há muito campeonato pela frente, estamos a evoluir positivamente e não tenho dúvidas que elas vão surgir”, afirmou o internacional sub-21.

O Sporting de Braga recebe o Gil Vicente no sábado, às 18h30, jogo da oitava jornada do campeonato que antecede a recepção aos ingleses do Manchester United, a sete de Novembro, da quarta jornada da Liga dos Campeões.