A almofada tem como objectivo oferecer um microambiente ao utilizador
Foto
A almofada tem como objectivo oferecer um microambiente ao utilizador

Uma almofada para dormires onde quiseres

Ostrich Pillow pode ser utilizada em qualquer local, sempre que se quiser fazer uma sesta.

Sabendo a importância de uma boa sesta, o estúdio de design e arquitectura Kawamura — Ganjavian decidiu criar um produto para quem quer fazer uma pausa, sem precisar de encontrar um local mais privado. Assim surgiu a Ostrich Pillow ("almofada avestruz”, em português), “desenhada para permitir criar um pequeno espaço privado dentro de um espaço público”, explicam os criadores.

A Ostrich Pillow (que apesar do nome é feita com enchimento sintético e não com penas) tem como objectivo oferecer um microambiente que permita ao utilizador dormir ou simplesmente reflectir, abstraindo-se do mundo que está do lado de fora da almofada. Por essa razão, o produto tem três aberturas, uma para nariz e boca e mais duas para as mãos, de forma a isolar mente e corpo.

PÚBLICO -
Foto
Ostrich Pillow tem três aberturas, para nariz e boca e para as mãos DR

Os criadores da Ostrich Pillow afirmam que a almofada pode ser utilizada em qualquer local, como por exemplo, em casa, no comboio e no aeroporto. Já no trabalho, os patrões podem até apreciar a Ostrich Pillow, mas nem todos deverão gostar de ver os seus colaboradores a fazer uma sesta. No entanto, o estúdio de design e arquitectura tem resposta para isso, argumentando que uma sesta de vinte minutos aumenta a produtividade em 30%.

PÚBLICO -
Foto
Almofada pode ser utilizada em casa, no comboio e até na biblioteca DR

Para realizarem o sonho de lançar a Ostrich Pillow no mercado, os responsáveis do estúdio Kawamura — Ganjavian, sediado em Madrid, lançaram uma campanha no site de crowdfunding Kickstarter. O objectivo era angariar 70 mil dólares (cerca de 55 mil euros) até 18 de Outubro, mas a dias de atingir a data limite a campanha já arrecadou mais de 155 mil dólares (cerca de 120 mil euros).

Sugerir correcção