Wiggins mantém amarela e Rui Costa segura posição

Foto
Foi a terceira vitória no Tour para Voeckler Foto: Pascal Pavani/AFP

Voeckler superiorizou-se aos seus companheiros de fuga e conquistou a terceira etapa da sua carreira no Tour, terminando com três segundos de vantagem sobre Michele Scarponi. Pouco depois chegavam os restantes fugitivos do dia, Jens Voight (Radioshack), Luis-Leon Sanchez (Rabobank) e Dries Devenyns (Omega).

Depois de um grupo intermédio, onde estava Jurgen van den Broeck (Lotto), chegou o grupo dos restantes favoritos, Wiggins, Cadel Evans (BMC) e Vincenzo Nibali (Liquigas), um agrupamento onde estava também Rui Costa (que ficou em 19.º), terminando todos a 3m16s de Voeckler.

Na geral mantiveram-se as distâncias. Wiggins está na frente, com 1m53s sobre Evans, vencedor do Tour em 2011, e 2m07s sobre o seu companheiro de equipa Christopher Froome. Rui Costa é o 11.º da geral, a 5m46s de Wiggins.