Dois irmãos portugueses morrem de exaustão em Marrocos

O encarregado da secção consular de Rabat, Vasco Seruya, contou à Lusa que os dois irmãos estavam acompanhados de um terceiro português, que se apercebeu de que as vítimas não estavam bem e chamou as autoridades marroquinas.

No entanto, quando a equipa de socorro chegou ao local "já não havia nada a fazer", afirmou.

O incidente ocorreu na terça-feira na região de Erfoud, no centro interior de Marrocos, quando os motociclistas estavam na sua quarta etapa, a primeira em areia.

A família já foi informada, acrescentou o responsável, adiantando que os corpos serão autopsiados e posteriormente trasladados para Portugal.

Notícia em actualização