Apresentação de resultados

Lucros da Galp sobem 16,5% no primeiro trimestre

Foto
Foto: Joana Camões (arquivo)

O resultado líquido replacement cost da Galp foi de 50 milhões de euros entre Janeiro e Março, mais 16,5% que no primeiro trimestre de 2011, ajudado pelas áreas de exploração e produção de petróleo e de gas & power (gás natural e produção de electricidade).

Em comunicado enviado hoje aos mercados, a petrolífera portuguesa indica que a produção net entitlement - que diz respeito à quota-parte da Galp nos consórcios dos quais faz parte, já depois da aplicação dos contratos de partilha – ascendeu a 16,5 mil barris por dia nos primeiros três meses deste ano. Destes, praticamente metade (48%) foram provenientes do Brasil.

Quanto ao volume de gás natural vendido, a companhia indica que cresceu 7% face ao primeiro trimestre do ano passado, incluindo as vendas no segmento de trading (mercado internacional).

Já a distribuição de combustíveis “apresentou uma performance estável face ao período homólogo”, indica a patrolífera portuguesa, ainda que o negócio esteja a ser “afectado pelo contexto económico adverso que caracterizou a Península Ibérica”.