GP da China

Primeira vitória de Rosberg na Fórmula 1

Nico Rosberg festeja
Fotogaleria
Nico Rosberg festeja Foto: Aly Song/Reuters
Nico  Rosberg
Fotogaleria
Nico Rosberg Carlos Barria/Reuters

O alemão Nico Rosberg (Mercedes) conquistou neste domingo a primeira vitória da sua carreira na Fórmula 1, ao vencer o Grande Prémio da China, a terceira prova do Mundial deste ano.

Filho do antigo campeão Keke Rosberg, Nico Rosberg conseguiu a primeira vitória no seu 111.º Grande Prémio, juntando-se ao restrito leque de pais e filhos que venceram corridas de Fórmula 1, como Gilles e Jack Villeneuve e Graham e Damon Hill.

Num circuito (Xangai) em que a Mercedes foi superior à concorrência, Rosberg venceu com 20 segundos de vantagem sobre Jenson Button e ainda beneficiou da desistência do companheiro de equipa, Michael Schumacher, que abandonou à 13.ª volta, por causa de uma roda mal apertada.

Esta foi também a primeira vitória da marca alemã como equipa autónoma desde 11 Setembro de 1955, dia em que Juan Manuel Fangio venceu o GP de Itália.

Apesar do domínio da Mercedes, a corrida foi emocionante, com muitas ultrapassagens, e luta até ao fim pelas primeiras posições.

Só nas últimas voltas é que Jenson Button e Lewis Hamilton ultrapassaram Sebastian Vettel, garantindo, respectivamente, o segundo e terceiro lugares.

O campeão do mundo ainda foi ultrapassado por Mark Webber, terminando no quinto posto.

Fernando Alonso, que liderava o Mundial, ficou-se pelo nono lugar e cedeu o primeiro lugar do campeonato a Lewis Hamilton, que soma agora 45 pontos, mais dois do que Button e oito do que Alonso.

O Mundial de 2012 começou de forma emotiva, com três diferentes vencedores nas primeiras três provas do ano.

ClassificaçõesGP da China

1.º Nico Rosberg (ALE/Mercedes-AMG), 1h36m26.929s2.º Jenson Button (GBR/McLaren-Mercedes) a 20.626s
3.º Lewis Hamilton (GBR/McLaren-Mercedes) a 26.012s
4.º Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault) a 27.924s
5.º Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault) a 30.483s
6.º Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) à 31.491s
7.º Bruno Senna (BRA/Williams-Renault) a 34.597s
8.º Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) a 35.643s
9.º Fernando Alonso (ESP/Ferrari) a 37.256s
10.º Kamui Kobayashi (JPN/Sauber-Ferrari) a 38.720s
11.º Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari) a 41.066s
12.º Paul di Resta (GBR/Force India-Mercedes) a 42.273s
13.º Felipe Massa (BRA/Ferrari) a 42.779s
14.º Kimi Räikkönen (FIN/Lotus-Renault) a 50.573s
15.º Nico Hülkenberg (ALE/Force India-Mercedes) a 1.213s
16.º Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso-Ferrari) a 51.756s
17.º Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso-Ferrari) a 1m03.156s
18.º Vitaly Petrov (RUS/Caterham-Renault) a 1 volta
19.º Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth) a 1 volta
20.º Charles Pic (FRA/Marussia-Cosworth) a 1 volta
21.º Pedro de la Rosa (ESP/HRT-Cosworth) a 1 volta
22.º Narain Karthikeyan (IND/HRT-Cosworth) a 2 voltas
23.º Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault) a 3 voltas

Mundial de pilotos

1.º Lewis Hamilton (GBR) 45 pts2.º Jenson Button (GBR) 43
3.º Fernando Alonso (ESP) 37
4.º Mark Webber (AUS) 36
5.º Sebastian Vettel (ALE) 28
6.º Nico Rosberg (ALE) 25
7.º Sergio Pérez (MEX) 22
8.º Kimi Räikkönen (FIN) 16
9.º Bruno Senna (BRA) 14
10.º Kamui Kobayashi (JPN) 9
11.º Romain Grosjean (FRA) 8
12.º Paul di Resta (SCO) 7
13.º Jean-Eric Vergne (FRA) 4
14.º Pastor Maldonado (VEN) 4
15.º Daniel Ricciardo (AUS) 2
16.º Nico Hülkenberg (ALE) 2
17.º Michael Schumacher (ALE) 1

Mundial de construtores

1.º McLaren Mercedes 88 pts2.º Red Bull 64
3.º Ferrari 37
4.º Sauber 31
5.º Mercedes-AMG 26
6.º Lotus 24
7.º Williams 18
8.º Force India 9
9.º Toro Rosso 6

Notícia actualizada às 10h27