Torne-se perito

Dulce Maria Cardoso e José Luís Peixoto na FLIP

Foto

Os escritores portugueses Dulce Maria Cardoso e José Luís Peixoto vão participar na Festa Literária Internacional de Paraty (FLIP), de 4 a 8 de Julho, no Brasil

O romance O Retorno, de Dulce Maria Cardoso, vai ser editado este mês naquele país pela Tinta-da-China brasileira e a escritora anunciou numa entrevista ao caderno Prosa & Verso, do jornal O Globo deste sábado, que é uma das convidadas. Repetente naquele que é o maior evento literário do mundo lusófono é José Luís Peixoto, que esteve lá pela primeira vez em 2005. O escritor, que mudou de editora no Brasil - passou a ser publicado pela Companhia das Letras -, está a lançar o seu último romance, Livro, do outro lado do Atlântico. Numa entrevista que deu ao mesmo Prosa & Verso há semanas, Peixoto revelou que irá fazer uma leitura completa de Morreste-me; será a primeira vez que o fará em palco.

Os nomes dos portugueses ainda não foram anunciados oficialmente pela curadoria da festa literária, que este ano está a cargo do jornalista Miguel Conde. O programa definitivo da FLIP, que comemora a décima edição, só será apresentado em Maio, mas já foram anunciadas as presenças dos norte-americanos Jonathan Franzen e Jennifer Egan, do britânico Ian McEwan, dos espanhóis Enrique Vila-Matas e Javier Cercas, da cubana Zoé Valdés, dos brasileiros Luís Fernando Veríssimo e Rubens Figueiredo, do sírio Adonis e do prémio Nobel da Literatura de 2008, o francês J.M.G. Le Clézio. Nesta edição, a FLIP homenageará o poeta Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) e caberá ao escritor e crítico literário Silviano Santiago fazer a conferência de abertura.