Entre os requisitos obrigatórios está o domínio de pelo menos duas línguas Reuters
Foto
Entre os requisitos obrigatórios está o domínio de pelo menos duas línguas Reuters

União Europeia vai empregar 300 recém-licenciados e profissionais com experiência

Todos os cidadãos europeus podem candidatar-se, até 17 de Abril, a um emprego na UE. Maioria das vagas são para estudantes finalistas e recém-licenciados

Até ao dia 17 de Abril, a União Europeia (UE) está a recrutar 296 estudantes universitários finalistas, recém-licenciados ou licenciados com um mínimo de seis anos de experiência, informa o Jornal Oficial da UE.

As vagas são para trabalho na Administração Pública Europeia (114 lugares) e nas áreas de Direito (64), Auditoria (43), Comunicação (42) e Relações Externas (33 lugares). A maioria dos lugares destina-se a universitários no último ano ou recém licenciados (219 vagas).

Entre os requisitos obrigatórios está o domínio de pelo menos duas línguas, sendo que a principal tem de ser uma das 23 oficiais da UE e a outra deve ser inglês, francês ou alemão. Só os cidadãos dos Estados-membros da UE se podem candidatar.

As candidaturas devem ser feitas online, no site do Serviço Europeu de Selecção de Pessoal (EPSO), onde podem ser também visualizados vídeos que explicam as funções das profissões em questão na UE.