Fotogaleria
Fotogaleria
Jonesing1/Flickr

Table&Friends: jantar com emprego para a sobremesa

A ideia de juntar desconhecidos com interesses comuns à mesa surgiu no início de 2012. Agora, os criadores da Table&Friends, Pedro e André, querem organizar "jantares de recrutamento"

Tudo começou com o objectivo de juntar vários desconhecidos à mesa. O interesse comum por uma determinada área introduz o conceito de "networking". Partilhar ideias, opiniões, trocar contactos e até perspectivar projectos futuros. Pedro Ferreira, 24 anos, e André Lopes, 26, fundaram a Table&Friends, a empresa que gere e organiza estes jantares, e agora estão prontos para outro passo.

"Em vez de uma entrevista de cinco ou dez minutos, as pessoas podem dar-se a conhecer durante um jantar de duas ou três horas", afirma André Lopes, um dos criadores deste conceito. O propósito é conseguir facilitar o contacto entre pessoas e empresas, através de parcerias com as mesmas. "É especialmente interessante para um aluno universitário ou recém-licenciado", defende.

Criar emprego através de um jantar é apelativo. Sobretudo numa altura em que o desemprego jovem aumenta sem parar. "Estamos a falar de grandes empresas, que contratam mais de 50 pessoas por ano e que têm um foco em jovens licenciados", conta André com entusiasmo.

Recrutamento à mesa está para "breve"

Para já, André não trabalha com prazos, mas garante que já estão "em conversações com algumas empresas para fazer os jantares de recrutamento" e acredita que, em breve, esses encontros vão acontecer "tanto em Lisboa como no Porto".

A empresa funciona, para já, apenas em Lisboa, mas o jovem formado em Relações Internacionais confirma que em breve vão chegar ao Norte.

"Ainda não temos nenhuma data prevista, mas eu diria que nos próximos dois meses vamos chegar ao Porto", diz André. Até ao final de abril deve ter ligar um jantar experimental na cidade Invicta.

Preço varia entre 15 e 30 euros

O conceito é simples. Depois do registo no site, é possível seleccionar os nossos interesses e escolher um dos jantares disponíveis, consoante as preferências de cada um. O preço varia, normalmente, entre os 15 e os 30 euros, sendo que o primeiro a comprar no website é quem paga menos.

E também há lugar para que uma das pessoas presentes seja menos desconhecida. André explica: "Inicialmente, o nosso conceito era basicamente organizar jantares à volta de grupos com interesses comuns, mas depois começamos a perceber que havia espaço para convidar um actor, um músico ou um "blogger" conhecido e dar oportunidade a essa pessoa de se dar a conhecer, num ambiente informal, a um grupo de pessoas que a seguem e apreciam o seu trabalho".

Este projecto inovador surgiu da vontade dos seus autores em juntar pessoas e já começa a dar frutos. André lança o repto: "Isto é uma desculpa fantástica, não só para jantar fora mas, acima de tudo, conhecer novas pessoas".