Brasil

Fim da linha para Adriano no Corinthians …e talvez até no futebol

Adriano teve poucos momentos de felicidade no Corinthians
Foto
Adriano teve poucos momentos de felicidade no Corinthians Foto: Nelson Almeida/AFP

O Corinthians e Adriano rescindiram contrato amigavelmente. É o fim do trajecto do avançado no clube paulista e talvez até no futebol, dado o historial de problemas do internacional brasileiro.

“No final da tarde desta segunda-feira, dia 12, a diretoria do Sport Club Corinthians Paulista e o atacante Adriano decidiram, em comum acordo, encerrar o contrato de trabalho entre as duas partes, que era válido até Junho próximo”, anunciou o site do clube brasileiro.

O Corinthians é o segundo clube seguido a rescindir com Adriano, depois de a Roma ter feito o mesmo no ano passado.

Antigo jogador do Inter, a carreira de Adriano tem sido marcada pelos problemas de peso, alcoolismo, depressão, indisciplina e casos polémicos extra-futebol.

Depois de ter saído da Roma, Adriano voltou ao Brasil, para tentar encontrar no Corinthians um lugar para o Mundial 2014.

Mas a passagem pelo clube paulista revelou-se um fracasso, com apenas sete jogos realizados (e dois golos apontados).

A paciência do Corinthians chegou ao fim na semana passada, quando Adriano faltou a um treino e depois recusou ser pesado pelo médico.

A saída do Corinthians pode mesmo significar o fim da carreira de Adriano, aos 30 anos.

“Eu, muitos outros analistas e todos os adeptos do Corinthians temos o desejo de ver o Adriano bem”, disse Neto, ex-jogador do clube e actualmente comentador. “Mas a realidade é que ele não é profissional. Nunca fez o menor esforço para trabalhar arduamente e garantir o seu futuro. Só um louco o contrataria agora.”

Sugerir correcção