Benfica

Galardões Cosme Damião distinguem Chalana e Aimar

A Gala Benfica 2012, que assinala o 108.º aniversário do clube da Luz, distinguiu na terça-feira o antigo futebolista Chalana com o prémio carreira dos Galardões Cosme Damião e Pablo Aimar como futebolista do ano.

"É uma honra e orgulho receber este prémio dado pelo Sport Lisboa e Benfica. Muito obrigado ao primeiro treinador, o Sr. Ângelo Correia, ao presidente Luís Filipe Vieira e à minha família e a todos os benfiquistas que estiveram presentes", disse Chalana, que representou os "encarnados", enquanto jogador, nas épocas 1974-75 até 1983-84 e 1987-88 até 1989-90.

Mário Wilson e o antigo presidente Borges Coutinho, já falecido, foram os outros homenageados da noite, assim como Eusébio, que recebeu o Prémio Mérito e Dedicação.

"Hoje não sinto bem desde que soube a notícia que o meu grande amigo Jaime Graça tinha falecido. Triste pelo Jaime, mas feliz pelos 108 anos do Benfica. Todos os benfiquistas estamos de parabéns. Tenho muito orgulho por ter vestido a camisola do Benfica", disse o "Pantera Negra".

Da lista de premiados com os Galardões Cosme Damião, que premeiam os benfiquistas que mais se destacaram, fazem parte o argentino Pablo Aimar, eleito futebolista do ano, o técnico da equipa de hóquei em patins, Luís Sénica, votado para melhor treinador, o hoquista Luís Viana, premiado com o título de atleta de alta competição, e o especialista do salto em comprimento Marco Chuva, apontado como atleta revelação.

"Primeiro queria dizer que Maxi e o Javi [os outros dois nomeados] também mereciam. À equipa técnica e companheiros queria dizer que é um orgulho trabalhar com vocês. Ao presidente e ao Rui Costa, que tudo fizeram para eu jogar no Benfica, muito obrigado", disse o futebolista argentino.

Os restantes galardões premiaram a secção de Atletismo (Modalidades), a equipa de Formação do Atletismo - Masculinos e Femininos (Formação), o Ecocentro do Benfica (Inovação), a iniciativa "Um milhão de adeptos no Facebook" (Projecto) e a Casa do Benfica da Charneca da Caparica (Casa do Benfica).

A escolha dos melhores do ano coube exclusivamente aos sócios, que seleccionaram os vencedores premiados na gala do Coliseu dos Recreios através de votação no sítio oficial do Benfica.