Futebol

Mourinho: "O meu futuro não depende de ganhar a Champions"

"Não saí de outras equipas por ter ganho a Champions", diz Mourinho
Foto
"Não saí de outras equipas por ter ganho a Champions", diz Mourinho Foto: Susana Vera/Reuters

O Real Madrid entra nesta terça-feira em acção nos oitavos-de-final da Liga dos Campeões na Rússia, frente ao CSKA Moscovo, e José Mourinho diz que um eventual triunfo na competição não decide o seu futuro nos "merengues".

"Não saí de outras equipas por ter ganho a Champions. Fui-me embora porque pensava que era a hora de ir e decidi sair do Inter antes de jogar a final. O meu futuro não depende de ganhar a Champions", afirmou o técnico português em entrevista à TVE.

As temperaturas baixas e o mau estado do relvado do estádio Luzhniki serão os outros adversários do Real Madrid em Moscovo, mas Mourinho diz que não podem ser factores para influenciar o comportamento dos seus jogadores: "Não é igual jogar com essas temperaturas, mas antes disso deve estar a mentalidade dos jogadores. Têm de ser mentalmente fortes. O grupo está unido e temos ambição. Vamos dar tudo contra uma equipa difícil."

Para Mourinho, os dez pontos de vantagem sobre o Barcelona na liga espanhola não significam que o Real Madrid vá poupar-se para a Champions. "Para mim, a liga é demasiado importante porque é a competição em que ganha sempre o melhor. Na Champions nem sempre ganha o melhor. Quando se ganha um campeonato, é muito bom para a auto-estima de um treinador porque sabe que trabalhou bem durante o ano. Na liga não vou facilitar nem um milímetro e vamos disputar cada jogo como se estivéssemos empatados com o Barcelona", garantiu Mourinho.