Jorge Tomé sai da CGD para assumir liderança executiva do Banif

Foto
Amado lamentou "o desfecho do banco e de este ter morrido na praia" Daniel Rocha

De acordo com a informação enviada esta manhã ao regulador do mercado de capitais pela Rentipar Financeira (accionista maioritário do Banif), as alterações irão ser efectuadas na próxima assembleia geral da instituição financeira, que votará a lista dos órgãos de gestão para o triénio de 2012 a 2014.

Com a entrada de Luís Amado, ex-ministro dos Negócios Estrangeiros de José Sócrates, sai o actual presidente do conselho de administração do Banif, Joaquim Marques dos Santos.

De acordo com o comunicado da Rentipar, Marques dos Santos "informou oportunamente" a empresa “da sua indisponibilidade para integrar uma lista tendente à sua recondução para o órgão de administração da Banif SGPS, na medida em que pretende reduzir a intensidade das suas responsabilidades profissionais, mantendo-as em termos que considere compatíveis com a sua idade e com a sua situação de reforma”. Quanto a Carlos Duarte de Almeida, “foi convidado pela Rentipar Financeira para passar a integrar o conselho de administração desta sociedade”.