José Ferreira
Foto
José Ferreira

José Ferreira: da lixeira que fotografou em Moçambique para o mundo

Com 25 anos, o fotógrafo José Ferreira teve oito páginas da revista PHOTO dedicadas a "Trash Land", projecto feito numa das maiores lixeiras do mundo, em Moçambique

O fotógrafo José Ferreira diz que aos 25 anos pode dizer que realizou o sonho profissional: reconhecimento mundial na Internet, oito páginas publicadas numa das revistas mais prestigiadas da área e uma entrevista na cadeia televisiva CNN.

A acabar o ano passado, o jovem teve oito páginas dedicadas a si na revista PHOTO, na sequência de um projecto feito numa das maiores lixeiras do mundo, em Moçambique, o “Trash Land” (terra do lixo). A porta de entrada para o reconhecimento do seu trabalho foi na rede social para criativos Behance.

“A partir daqui começaram a surgir novos contactos, interessados no meu projecto. Foi também através desse destaque, que a CNN viu o meu trabalho e convidou-me a ser entrevistado”, relata à Lusa.

PÚBLICO -
Foto
José Ferreira

Mas a fotografia chegou à vida do jovem no início de 2007 com a licenciatura em Artes Visuais. Primeiro foi na área de moda. Com o “tempo, experiência e o desenvolver de novos conhecimentos surgiu o interesse pela área do fotojornalismo”.

PÚBLICO -
Foto
José Ferreira

A publicação de um trabalho na PHOTO foi afinal a “realização de um sonho”: “Desde que me iniciei no mundo da fotografia, sigo todas as edições da revista e sempre desejei ver um trabalho meu lá publicado.” Para o futuro, o jovem deseja trabalhar numa agência de fotojornalismo e “construir carreira”. “Quem sabe ser enviado para fora do país e cobrir grandes acontecimentos a nível mundial, como guerras, catástrofes naturais”, adivinha.