O P3 e mais dez milhões no Instagram

Apresentaremos regularmente fotografias de "instagramers" convidados. Paulo Furtado (aka Legendary Tigerman) é o primeiro com a série "Drive By Shots - fotografias à queima-roupa"

Foto
Luís Octávio Costa

6 de Outubro de 2010. Nesse dia surgiu pela primeira vez no iTunes o Instagram, aplicação que comemorou o seu primeiro aniversário ao lado de mais de dez milhões de utilizadores — e com mais de 150 milhões de fotografias a circular por uma das redes sociais de maior sucesso.

Esta história começou como muitas outras. Com dois jovens (Kevin Systrom e Mike Krieger) e com o sonho de criarem uma “app” que fosse ao mesmo tempo uma cápsula do tempo e a ficção científica da fotografia. O Instagram é um Flickr imediato, um Twitter visual.

No espaço de meses transformou-se num modo de vida para milhões de "instagramers", sejam eles puristas da fotografia analógica ou experimentalistas das fotos digitais.

Foto
Pormenor de uma das 10 imagens de Paulo Furtado

A aplicação —compatível com iPhone, iPad e iPod touch, mas à procura de um relacionamento sério com o mercado Android — é simples. Vá pelos seus dedos: permite tirar/utilizar fotografias quadradas e aplicar um toque de autor (chama-se filtro) antes de partilhar esse “instante” com meio mundo.

Insta P3

É possível espreitar o Instagram de alguém mesmo sem Instagram (Webstagram), associar a conta Instagram ao Facebook (Instafb), imprimir os quadrados mágicos (Instaprint), encontrar um “instagramer” ao virar da esquina (Cartagram) e manter a contabilidade organizada (Statigram).

O Instagram (e uma legião de “iPhonografos”) é responsável por todo um novo léxico que rapidamente alastrou a alguns dos principais órgãos de comunicação, casos da CNN e da NPR.

O InstaP3 estará em duas frentes. Continuamos a lançar teasers de algumas reportagens na nossa conta (basta pesquisar no Instagram o utilizador publicop3 ou espreitar este link), e convidamos regularmente utilizadores a mostrar uma série de dez “instas” na nossa galeria.

O nosso primeiro convidado é o Paulo Furtado (aka Legendary Tigerman) com a série "Drive By Shots — fotografias à queima-roupa".