Aquilo-que-não-é-mas-quase-é

Fotogaleria

São fotografias de um filósofo. E por isso a visão de Juanjo Muñoz resulta mais em perguntas do que em respostas. “São perguntas sobre a realidade, que é uma partida que nos prega o universo”, diz o professor de Filosofia e director do Instituto de Ensino à Distância, da Andaluzia. As suas fotografias mostram-nos aquilo-que-não-é-mas-quase-é, algo que expande a realidade quotidiana. “Pode ser uma sombra, uma rotação que transforma uma rua num Packman, um insecto equilibrista ou apenas imaginar que o hiperespaço existe numa simples urbanização”. Juanjo revela uma segunda realidade escondida, codificada. “Kant dizia que a inteligência é a capacidade de ver para além da incerteza. Eu procuro fotografar essa incerteza”.

Sugerir correcção