Robótica

Máquinas vencem finalmente os humanos no cubo mágico

A máquina que bateu o humano dá pelo nome de CubeStormer II
Foto
A máquina que bateu o humano dá pelo nome de CubeStormer II DR

Até agora o recorde era detido pelos humanos. O australiano Feliks Zemdegs conseguiu completar o cubo mágico em 5,66 segundos. Mas agora tudo mudou: o recorde baixou para 5,352 segundos e foi uma máquina quem o estabeleceu.

Um aparelho que dá pelo nome de CubeStormer II - construído com kits da LEGO e alimentado por um smartphone Samsung Galaxy S II - conseguiu bater os recordes humanos e levar a vantagem, escreve o site sobre tecnologia Gizmodo.

O CubeStormer II foi construído por Mike Dobson e David Gilday a partir de quatro kits robóticos programáveis LEGO Mindstorm NXT e é controlado por uma aplicação customizável para Android, o sistema operativo do Samsung Galaxy S II.

Depois de tirar uma fotografia de cada lado do cubo mágico na sua fase desordenada, a aplicação para Android utiliza um algoritmo especialmente concebido para criar uma solução que optimize a resolução do cubo.

Para cúmulo, este novo recorde estabelecido pelas máquinas já inclui o tempo de análise do problema, ao passo que na tentativa humana o cronómetro só começou a contar depois de o australiano ter avaliado o problema visualmente.