Rating inalterado

Standard & Poor's acredita que Portugal vai cumprir objectivos do défice

O objectivo do défice que Portugal acordou com Bruxelas é de 5,9% do PIB este ano
Foto
O objectivo do défice que Portugal acordou com Bruxelas é de 5,9% do PIB este ano Enric Vives-Rubio

A agência internacional Standard & Poor's elogiou hoje o compromisso do Governo português com os objectivos de consolidação orçamental, mas manteve o rating atribuído ao país em BBB-, com tendência negativa.

Num relatório publicado hoje, a agência de rating diz esperar que "o Governo atinja algo próximo dos objectivos orçamentais previstos no programa da UE e do FMI, através da implementação de medidas de austeridade adicionais para compensar qualquer derrapagem orçamental". "consideramos que o Governo português está fortemente empenhado no cumprimento do programa da UE e do FMI", diz o documento.

Ainda assim, apesar destas previsões, a S&P não dá quaisquer esperanças a Portugal de uma recuperação, no curto prazo, do rating, que foi várias vezes revisto em baixa durante os últimos anos. A classificação vai manter-se em BBB- e o outlook (ou seja, o rumo mais provável para o rating) é ainda negativo.

Isto acontece, segundo a S&P, devido à incerteza que rodeia a evolução da economia portuguesa, principalmente numa conjuntura internacional mais adversa. A agência reviu a sua previsão para a variação média do PIB para Portugal entre 2011 e 2014 de -0,2% para -0,5%.