Serão pagos 420 euros através da empresa formadora

Governo vai pagar formação profissional nas empresas para 35 mil desempregados

São abrangidos os desempregados há mais de seis meses
Foto
São abrangidos os desempregados há mais de seis meses Paulo Pimenta (arquivo)

O Governo vai aplicar cem milhões de euros para apoio a estágios profissionais, nas empresas, para cerca de 35 mil desempregados de longa duração, que receberão 420 euros.

No âmbito desta iniciativa, o governo vai “pedir às empresas que contratem trabalhadores que estão há mais de seis meses desempregados, e em que esses trabalhadores que vão para as empresas vão receber formação nas empresas. Em vez de ser o Estado a fazer formação, vão ser os trabalhadores, nas empresas, a trabalhar”, explicou o ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira, ontem à noite na RTP1.

As pessoas que forem contratadas nesse regime “vão receber o correspondente a um indexante de apoio social, que são cerca de 420 euros, o subsídio que a empresa recebe para ter esse indivíduo que está desempregado”, disse também o ministro, que apresentou esta medida como “uma das formas de combater o desemprego de longa-duração”, e que deverá abranger cerca de 35 mil desempregados há mais de seis meses.

Santos Pereira disse também adiantou ainda que vão ser anunciadas em breve dezenas de medidas para reformular os centros de emprego do País.

P24 O seu Público em -- -- minutos

-/-

Apoiado por BMW
Mais recomendações